segunda-feira, 21 de Abril de 2014, 13:09
Pesquisa
pesquisar
Emprego Imobiliário Motores
iPad
Subsídios de desemprego novamente atrasados

17 de Fevereiro, 2011
O pagamento do subsídio de desemprego está novamente atrasado  e estima-se que chegará às carteiras dos desempregados uma semana depois do normal. Já no mês passado, o processamento dos pagamentos sofreu atrasos.

«Tenho sempre recebido a dia 15. Verifiquei hoje, dia 17, que ainda não tinha chegado a transferência», conta ao SOL Maria Silva, desempregada. «Liguei para a linha da Segurança Social, que estava indisponível. Quando atenderam explicaram que tinham tido indicações de que haveria um atraso no pagamento e que o dinheiro só deve chegar daqui a uma semana».

Os desempregados estão também a ter dificuldades em obter esclarecimentos sobre o que se passa com os pagamentos devido à greve dos trabalhadores das linhas telefónicas de informação aos beneficiários.

O Ministério do Trabalho, porém, afirma que «os pagamentos de Fevereiro decorrem sem qualquer atraso em relação ao planeamento inicialmente definido» e sublinha que «não existem dias fixos para o pagamento das prestações sociais, variando em função das datas em que ocorrem os fins-de-semana».

A situação no Centro Distrital de Lisboa é das mais problemáticas, como escreveu o SOL a propósito dos atrasos ocorridos em Janeiro. Em muitos casos, os serviços da Segurança Social já validaram o acesso ao subsídio e falta apenas processar os dados para pagamento da prestação.

No Areeiro, por exemplo, há apenas seis pessoas a assegurar o processamento de dados, que implicam algumas dezenas de milhares de processos por mês, motivo pelo qual as demoras têm vindo a acentuar-se. A falta de pessoal contribui para as demoras. Era comum haver notificações aos desempregados a alertar para o fim do subsídio e para a necessidade de solicitar o prolongamento, agora há casos de beneficiários que são avisados com dias de antecedência.

«Há casos de pessoas que estão cinco a seis horas na fila antes de serem atendidas», disse ao SOL, em Janeiro, uma funcionária da SS que solicitou o anonimato, alertando para casos de «desespero» e até para «ameaças de agressão».

andreia.coelho@sol.pt

Tags: Economia



16 Comentários
brisda
16.10.2012 - 17:26
Não, talvez para esse dito senhor se o periodo de espera para receber a sua contribuição chegar aos 2 meses, ele se cale duma vez! Coloquei os meus papeis para requerer subsidio a 17 de agosto de 2012, estamos a 16 de outubro e ate agora nem um centimo recebi, sendo que o mesmo foi aprovado!!! ENTRETANTO AS CONTAS ESPERAM! pais de incompetentes!
sowhat
21.02.2012 - 16:10
O meu comentário destina-se especificamente a "brisadomar" e a sua afrimação "...É que a maioria dos trabalhadores recebe o ordenado no final do mês. E receber antes do fim do mês pode/deve até ser considerado um privilégio."
Meu caro, até que ponto se consideraria privilegiado se o seu mês, i.e. o tempo que decorre entre receber aquilo que lhe é devido pelo seu trabalho ou pela sua contribuição, tivesse 38 dias?! Quem não tem a mínima noção do que está a dizer deveria remeter-se ao silêncio.




Adalberto Almeida
20.02.2011 - 13:37
Fui contratado po 9 meses para exercer funçoes na escola Pero Vaz de Caminha pela segurança social.Apos 3 meses de trabalho nesta escola que tanto gostei os senhores da segurança sociál resolveram cortar o subsidio de desemprego que me pemitia trabalhar condignamente ,inserir-me no mercado de trabalho e mandaram-me para casa sem nada sem aviso prévio . Lamentávelmente nem que o conselho executivo da escola me queira manter como queria os senhores da DREN nao permitem contratos laborais e assim sendo cá estou eu desempregado sem auferir de algum tipo de remuneraçao vivendo de ar e vento e recordando os bons momentos passados com colegas ,professores e alunos que tanto me respeitavam e estimavam .
Continuem a dar rendimentos minimos a pessoas que nada fazem nem querem eles agradecem , continuam a levar os filhos ás escolas de BMW e Mercedes e o resto do dia é passado em cafés ....e assim vai este pais....
Alguem me pode ajudar ?
clarificador
18.02.2011 - 03:12
Existe um desafio virtual clarificativo,para o clarificador:clarificar o que é que em Portugal,virtualmente,NÃO estará atrasado.

Palpite Virtual:o vencimento parco do Exmº Srº Presidente Executivo da Portugal Telecom,por exemplo...

Palpite virtual concluído.
Platao
18.02.2011 - 02:27
Calma amigos. Deve ser um erro informatico. Do tipo eleicoes presidenciais. Num apice estara solucionado. Ou muito me engano ou ja havera por ai uma comissao de inquerito...

socrates o grande esta convosco neste momento de angustia. Sobretudo com aqueles papalvos que ainda votaram nele. Forca. Ajudem a puxar pelo pais que ele ja esta farto de o fazer sozinho. Caramba, so uma ajudinha.

E se passam dificuldades deveriam ter-se prevenido como socrates o grande deixando uns trocos (sabe-se la vindos de onde, o gajo nao explica) em off-shore. Sempre daria para uns apartamentos. E sobre a pensao milagrosa da sua maezinha, seria tambem interessante que socrates o grande vos ajudasse a conseguir aumentos magicos que vos ajudassem a ultrapassar as dificuldades.

E agora, so para os desempregados que votaram no grnde socrates: vejam se aprendem a pensar e nos ajudam a todos a livrar-nos desse porco que voces ajudaram a eleger. Amarguem que so vos faz bem. Para perceberem que a estupidez nao compensa...
LPM
17.02.2011 - 22:25
Já faltou mais para que os avençados do PS que aqui vomitam fel tenham que ir ao caixote do lixo procurar comida.
joanadarc
17.02.2011 - 19:38
Funcionários públicos sempre a receber a horas,desemprego para eles nem pensar e ainda fazem greves. PS quer acabar com os privados.
comentariosmiguel
17.02.2011 - 17:08
Limito-me a comentar e a confirmar o teor desta noticia.
Estou desempregado há mais de uma ano. É uma batalha diária, lutar contra esta situação.
Verifica-se a cada mês que passa, um atraso cada vez maior no pagamento da prestação relativa ao subs desemprego.
Os centros de emprego não funcionam! Não por culpa das pessoas, mas sim a burocracia em que se envolve.
A segurança social, naturalmente sofre do mesmo problema, numa dimensão exponencialmente maior e agravada pelas "trocas a baldrocas" e pelo desgoverno e incompetência de quem a governa.

Quem nunca esteve desempregado, quem nunca passou por esta situação nada boa, que não abra a boca e não diga barbaridades como aquelas que já li aqui.

A essas pessoas, de comentário fácil, por vezes mal-educado e ofensivo, convido-as a trocarem de posição comigo.

Às pessoas que estão também nesta batalha diária de procura de emprego, votos de boa sorte!
Fcatita
17.02.2011 - 16:52
Povo nao desesperem.O bando tem estado a utilizar
esses fundos para outras jogadas,entre eles os comentadores assalariados que estão no largo do
Rato.Eu digo que não desesperem,pois como sabem o
bando utilizou em 2010 os fundos do Centro Nacional de Pensões para as suas habituais fraudes
do defice,fundo esse que se destinava a pagar as
pensões aos emigrantes que vivem no estrangeiro.
Hoje dia 17.02.2011 o bando ainda não pagou as pensões de Novembro de 2010.Parece que gravaram um
disco para as reclamaçoes e que é sempre o mesmo:
As pensões foram enviadas nas datas habituais.Ate
este momento ainda não recebemos nada devolvido.Logo que isso aconteça tornamos a enviar.
Esta é a mensagem para cem reclamaçoes de cada um
dos lesados.Segundo consta estão à espera da inauguração do TGV para voltarem a enviar os cheques que nunca sairam de Lisboa.
Por alguma coisa a Ministra do Trabalho promoveu
as chefias com rectroactivos de Janeiro de 2010.
Sabem qual é a unica forma disto acabar,não sabem?
Tunisia,Egipto etc
jhe
17.02.2011 - 16:40
Este comentário destina-se a brisadomar.
Percebe-se facilmente que o comentário feito por esta pessoa, é de alguém empregado, mas pelo andar da carruagem tb. há-de estar do outro lado e só aí vai perceber a asneira que escreveu.
Independentemente de ser o subsidio de Janeiro ou Fevereiro, tudo tem um ínicio, quem começou a receber a dia 15, deveria receber sempre entre o dia 14 a 16, nos últimos meses o subsidio que é de 65% do rendimento que auferia do trabalho esta a ser pago ao fim de 35 dias, Dezembro foi dia 10, Janeiro dia 14 e Fevereiro vamos ver, por isso brisadomar espero que esteja a receber ao fim de cada 30 dias, porque do outro lado é preciso mais dias.
AJPC
17.02.2011 - 16:35
parasol
17.02.2011 - 15:02

AJPC
17.02.2011 - 16:20
denunciar
FALAS DE BARRIGA CHEIA, NÃO É... PENA É NÃO TE CONHECER, E, DIZER-TE NESSE FOCINHO, QUE DEVERIAS ESTAR COMO MUITOS INFELIZMENTE ESTÃO. SEI QUE HÁ PESSOAS QUE NÃO QUEREM TRABALHA, E, ATÉ QUE SE DÃO BEM COM O SUBSÍDIO. MAS, TAMBÉM CONHEÇO PESSOAL COM MUITA VONTADE DE TRABALHAR, MAS, QUE NÃO ARRANJAM TRABALHO... ATENÇÃO, TRABALHO, VISTO QUE HÁ QUEM PEÇA EMPREGO, E, OS TAIS EMPRESÁRIOS DE CARREGAR PELA BOCA, AINDA DIZEM, QUE EMPREGO NÃO TEM, MAS, SE QUISEREM TRABALHAR QUE SE ARRANJA... ISTO É UM AUTÊNTICO GOZO PARA QUEM QUER TRABALHAR. PORTANTO, SE TRABALHAS, PODES-TE JULGAR FELIZ, AGORA NÃO VENHAS PARA AQUI, INSULTAR AS PESSOAS, OK.
AJPC
17.02.2011 - 16:20
FALAS DE BARRIGA CHEIA, NÃO É... PENA É NÃO TE CONHECER, E, DIZER-TE NESSE FOCINHO, QUE DEVERIAS ESTAR COMO MUITOS INFELIZMENTE ESTÃO. SEI QUE HÁ PESSOAS QUE NÃO QUEREM TRABALHA, E, ATÉ QUE SE DÃO BEM COM O SUBSÍDIO. MAS, TAMBÉM CONHEÇO PESSOAL COM MUITA VONTADE DE TRABALHAR, MAS, QUE NÃO ARRANJAM TRABALHO... ATENÇÃO, TRABALHO, VISTO QUE HÁ QUEM PEÇA EMPREGO, E, OS TAIS EMPRESÁRIOS DE CARREGAR PELA BOCA, AINDA DIZEM, QUE EMPREGO NÃO TEM, MAS, SE QUISEREM TRABALHAR QUE SE ARRANJA... ISTO É UM AUTÊNTICO GOZO PARA QUEM QUER TRABALHAR. PORTANTO, SE TRABALHAS, PODES-TE JULGAR FELIZ, AGORA NÃO VENHAS PARA AQUI, INSULTAR AS PESSOAS, OK.
amiguinhos
17.02.2011 - 16:15
Para o brisadomar

O subsídio é referente ao mês de Janeiro
brisadomar
17.02.2011 - 15:38


Mas afinal este dito atraso (de dois dias)refere-se ao subsídio que mês, Janeiro ou Fevereiro??

Como não é mencionado o mês a que se refere o subsídio, isto pode ser uma notícia manhosa, caso o atraso mencionado se refira ao pagamento do subsídio do mês de Fevereiro.

É que a maioria dos trabalhadores recebe o ordenado no final do mês. E receber antes do fim do mês pode/deve até ser considerado um privilégio.



parasol
17.02.2011 - 15:02
Aparentemente a maioria dos "trabalhadores" da segurança social anda chatiada porque está cheia de trabalho e ainda por cima tem de aturar os sacanas dos desempregados...
Tweet1Tweet2
17.02.2011 - 13:05
Que vergonha!Nestas coisas os atrasos devem ser evitados ao máximo!As pessoas têm contas para pagar e os bancos não são propriamente muito benevolentes quanto a contas em atraso. Já basta a miséria de vida que se tem e o que se atura de funcionários destrambelhados para receber o subsidio!

«Há casos de pessoas que estão cinco a seis horas na fila antes de serem atendidas»

Meus caros... o meu recorde é de 9 horas!É uma vergonha! porque é que as inscrições para o desemprego não feitas pela net? Porque é que o pedido do prolongamento do subsidio não é feito pela net e depois a confirmação presencial em entrevista?
Porque é que os Centros de Desemprego continuam em tratar as pessoas como animais? Se têm direito ao subsidio foi porque se descontou, é um direito!


PUB
PUB
Siga-nos
CD Carríssimas Canções de Sérgio Godinho
Assinaturas - Revista FEEL IT (PT)
Siga o SOL no Facebook


© 2007 Sol. Todos os direitos reservados. Mantido por webmaster@sol.pt