quinta-feira, 17 de Abril de 2014, 16:27
Pesquisa
pesquisar
Emprego Imobiliário Motores
iPad
Investidores asiáticos e Médio Oriente compram dívida de Portugal

26 de Maio, 2011
Investidores asiáticos e do Médio Oriente compraram cerca de um quarto da dívida portuguesa com maturidade a cinco anos que foi a leilão na quarta-feira, para financiar o resgate de Portugal, segundo a Comissão Europeia.

A Comissão Europeia afirma que estes investidores compraram 23% dos 4,74 mil milhões de euros de dívida envolvidos nesta operação que foi realizada através do Mecanismo Europeu de Estabilização Financeira (MEEF).

Os investidores asiáticos adquiriram 16% dos títulos e os do Médio Oriente, 7 por cento.

A nível europeu, destacou-se a compra do Reino Unido (17%) e da Alemanha/Áustria (14%).

A procura foi dominada pelos bancos centrais e instituições (36%), seguindo-se os bancos (32%) e sociedades gestoras de fundos (26%).

O prazo para pagar os 4,75 mil milhões de euros termina a 3 de Junho de 2016.

O jornal Financial Times avançou, por outro lado, que a China está interessada em financiar o resgate de Portugal participando no leilão que se realiza em Junho.

Segundo o jornal, que cita o presidente do Fundo Europeu de Estabilização Financeira, a China e outros investidores asiáticos deverão representar «uma percentagem significativa» dos compradores de dívida portuguesa.

Klaus Regling afirmou que o interesse da Ásia também mostra que os investidores têm confiança no euro, mas reconhece que o objectivo principal é diversificar os investimentos, adianta o Financial Times.

Lusa/SOL




3 Comentários
divergente
30.05.2011 - 21:44
Cá para mim, estes Asiaticos e Árabes vão ficar sem cheta, quando o Portugalex do Socras falir!
lillyrose
27.05.2011 - 00:42
VENDAM PORTUGAL Á ESPANHA!!!!!POOORRRRA NÃO QUERO SER PAU MANDADO DA TROIKA NEM DOS CHINOCAS!!!!
Allentejo
26.05.2011 - 16:13
EU VOU MAS É COMEÇAR A APRENDER ÁRABE E MANDARIM...


PUB
PUB
Siga-nos
CD Carríssimas Canções de Sérgio Godinho
Assinaturas - Revista FEEL IT (PT)
Siga o SOL no Facebook


© 2007 Sol. Todos os direitos reservados. Mantido por webmaster@sol.pt