sábado, 19 de Abril de 2014, 23:24
Pesquisa
pesquisar
Emprego Imobiliário Motores
iPad
Gasolina ainda mais cara na próxima semana

6 de Abril, 2012
O preço da gasolina deverá voltar a atingir máximos históricos a partir de segunda-feira, subindo 1,5 cêntimos, enquanto o gasóleo deve aumentar 0,5 cêntimos, adiantou uma fonte do sector.

O aumento reflecte a variação da cotação média dos produtos refinados nos mercados internacionais e leva a gasolina a ultrapassar o preço recorde que tinha atingido esta semana.

O preço médio da gasolina 95 situava-se, na quinta-feira em 1,724 euros, enquanto o do gasóleo chegava aos 1,478 euros, segundo informação disponibilizada pela Direcção Geral de Energia e Geologia.

O preço de referência do gasóleo na Galp e na Cepsa era de 1,514 euros, enquanto a BP e a Repsol praticavam um preço de 1,519 euros.

A gasolina 95 custava 1,764 euros na Galp e na Cepsa e 1,769 euros na BP e na Repsol.

Lusa/SOL




35 Comentários
kikaskikas
08.04.2012 - 16:32
vamos começar a andar a cavalo e com burros na estrada e mais económico.
vendap
08.04.2012 - 02:04
Kalvin
07.04.2012 - 23:54
Até aí, consigo ir. Deixo duas perguntas no ar: porque razão o Diesel é mais barato que a gasolina sabendo que 1 Lt de Diesel tem mais energia que 1 Lt de gasolina? Os custos de refinação do Diesel são mais onerosos que a gasolina? as perguntas ficam no ar a pairar como balões a gás, presumo. Está bem, está muito bem Kelvin são os impostos mas não me venha dizer que são mais favoráveis para o Diesel porque é o combustível de eleição para o trabalho. Não é.

Os preços são função dos testes de raízes unitárias devidos a Dickey e Fuller uma vez efectuados os testes de Cointegração de Engle Granger. Ou seja, os preços dos combustíveis não obedecem à lei da oferta e procura. São um caso à parte e a prová-lo está o facto de apesar da procura ter baixado em toda a Europa e certamente baixará ainda mais e por bons anos, os preços nunca galoparam tanto como agora. A diferença de preços entre gasolina e Diesel também não encontra explicação à luz da procura e oferta. É isso que eu finjo não entender.
Kalvin
07.04.2012 - 23:54
Vendap, o problema é simples. Dantes, o Estado é que decidia quando o combustível era aumentado. Devido à popularidade dos políticos, proximidade com eleições ou períodos estratégicos, tinhamos uns 2 a 3 aumentos e quando eram 4 aumentos anuais o povo e a oposição ao governo já reclamavam.

Conseguindo ludibriar os políticos, o cartel do petróleo obteve a sua maior vitória, tal como agora a electricidade e em seguida as águas, em liberalizar os preços, tornando possível os aumentos quando eles querem.

Apesar de o preço do barril não ser, para as petrolíferas, aquilo que você lê nos jornais, pois esses negócios são feitos de outro modo, com compromissos e com antecipação por muitos anos para garantir preços especiais, incutem-lhe no espírito que têm de aumentar porque os produtores de petróleo aumentam ou porque houve uma guerra aqui ou ali, etc., o que é falso, até porque eles até têm gestão para cenários de guerra e previsões de risco acertadas e concertadas com os produtores de petróleo.

Combinam consigo um preço X se você se comprometer a comprar uma média de Y até ao ano 2030, por exemplo. E, faça sol ou faça chuva, os contratos são para cumprir, agora para o exterior diz-se o que dá mais jeito.

Como tal, diz o governo que não há cartelização... claro que não, pois se nem precisam disso, para que fariam um cartel ? Têm a faca e o queijo na mão e até a mercearia pois agora aumentam quando lhes apetece, até porque não há concorrência em Portugal, para haver era preciso que você tivesse n refinarias de z empresas distintas.

Com a electricidade e com as águas vai-nos acontecer o mesmo, pois os políticos são burros, isto se não forem subornáveis, claro.
vendap
07.04.2012 - 22:52
Confesso que ainda não percebi qual é o problema com o preço dos combustíveis.
ABA
07.04.2012 - 21:17
Vejam as declarações de Passos Coelho e de Paulo Portas sobre esta matéria quando estavam na oposição e as que proferem agora....Assim poderão verificar o que estes aldrabões aprenderam na catequese mentindo com todos os dentes, enquanto os gestores ganham como nababos à custa dos automobilistas.....
Portugalix
07.04.2012 - 20:46
A infelicidade dos Portugueses foi terem nascido do lado errado da fronteira.
AJPC
07.04.2012 - 18:34
É POR CAUSA DA CONCORRÊNCIA! BANDO DE GATUNOS.
vendap
07.04.2012 - 17:40
O Pardo será julgado por traição..
vendap
07.04.2012 - 17:39
O Pardo será julgado por traição.
pontaesquerda
07.04.2012 - 16:13
o dividendo para o accionista...

...intocavel!!!!...

a economis e os portugueses que se lixem!...


...espero que o governo não faça a patetice de baixar a carga fiscal dos combustiveis!...

...essa "baixa de preço" era logo "comida" com novo aumento de preços!!!!...
jcesar
07.04.2012 - 16:05
Porque será que existe muitos Países fora da Europa, onde os combustíveis são muito inferiores a 1€/litro, e muitos desses Países não são produtores de petróleo.

De certeza que não têm tantos mamões a receber fortunas, e a viver à custa das empresas de combustíveis.
vendap
07.04.2012 - 14:42
quijote
07.04.2012 - 10:44
He..he..não generalize. Alguns...será mais apropriado.
quijote
07.04.2012 - 10:44
A dívida soberana deixa-o insone, caro vendap. Vê-se que você preferia estar a fuzilar portugueses no Campo Pequeno ou no campo de concentração de Mértola.
vendap
07.04.2012 - 03:07
Acordai TANSOS. Já repararam que os media estão a puxar por nós? eles estão a dar-nos um sinal claro e inequívoco para avançar-mos. Belém está com problemas. Irá o Pardo reagir?
vendap
07.04.2012 - 02:41
Três dos quatro servidores informáticos do Governo falharam, no domingo, deitando abaixo o portal oficial do Governo e impedindo as comunicações por email entre todos os Ministérios.

Ler mais: http://expresso.sapo.pt/apagao-informatico-no-governo-durou-cinco-dias=f717485#ixzz1rJYlb0Wd

O regabofe está instalado em Belém. É de Belém que se trata. Cavaco, o Pardo, ameaça bater com a porta a Passos Coelho. O Pardo, finalmente reage.
vendap
07.04.2012 - 01:31
Oil prices have shot up in recent months in the wake of Iran’s decision to halt its crude exports to certain European countries in response to the European Union (EU) oil embargo on Tehran.

Iran has already cut oil exports to France and Britain in retaliation for the Western-led sanctions imposed on its oil industry.
Não se esqueçam que Portugal assinou por baixo as sanções ao Irão.
Já começam a perceber porque é que os preços do petróleo não me afectam?

vendap
07.04.2012 - 01:28
Iran halts oil sales to two major Greek firms. A resposta às estúpidas sanções começa aqui. Portugal está a seguir e os preços vão escalar. Afinal o petróleo é dos iranianos....
vendap
07.04.2012 - 01:26
Atenção a quem tem mais de 5000€ no banco. Na próxima 2ª feira poderão já não ter. Eu vou dando as más notícias. Podem estar descansados.
vendap
07.04.2012 - 01:23
..só uma pistazinha para os deixar tristinhos. Quem tem amigos deve estimá-los. O resto vem por acrescento.
vendap
07.04.2012 - 01:20
Deixei de depender dos preços da energia, directa ou indirectamente. Não vos posso é dizer como fiz com muita pena minha. Tenho electricidade e não pago, tenho carro e ando de borla. Não, não vos vou dizer como. Com muita pena minha...com muita peninha...



PUB
PUB
Siga-nos
CD Carríssimas Canções de Sérgio Godinho
Assinaturas - Revista FEEL IT (PT)
Siga o SOL no Facebook


© 2007 Sol. Todos os direitos reservados. Mantido por webmaster@sol.pt