quinta-feira, 24 de Abril de 2014, 22:38
Pesquisa
pesquisar
Emprego Imobiliário Motores
iPad
EUA lucraram 21 milhões com resgate à banca

16 de Setembro, 2013
O Governo dos EUA encaixou um lucro de 21 mil milhões de euros com o resgate aos bancos do país, na sequência da falência do Lehman Brothers, há cinco anos, no auge da crise financeira, revelou hoje a Casa Branca.

No relatório "A crise financeira, cinco anos depois", divulgado pela administração do presidente Barack Obama, é possível constatar que, apesar das reticências iniciais do Governo norte-americano em ajudar os bancos em dificuldades, o mesmo conseguiu recuperar até ao momento 273 mil milhões de dólares (cerca de 204 mil milhões de euros) do seu investimento no sector bancário, o que implica mais-valias de 28 mil milhões de dólares (21 mil milhões de euros) face aos 245 mil milhões de dólares (183 mil milhões de euros) que injectou nas ajudas ao sector bancário.

A Casa Branca realçou que a confiança na banca da maior economia do mundo está recuperada e que Obama promoveu uma série de alterações legislativas que visam impedir que futuros resgates à banca sejam suportados pelos contribuintes, reforçando ao mesmo tempo a protecção dos consumidores de serviços bancários.

O relatório governamental destacou também que a administração norte-americana actuou com rapidez para resgatar a indústria automóvel, para baixar os impostos das classes médias e para manter o número de professores no país, bem como a qualidade do sistema de saúde, ao mesmo tempo que alterou o sistema fiscal, que estava "demasiado inclinado a favor dos ricos", conforme noticiou a agência Europa Press.

O documento diz também que, cinco anos após ter estalado a crise, os Estados Unidos da América (EUA) conseguiram criar 7,5 milhões de novos empregos, devido às decisões "difíceis" que foram tomadas nos últimos três anos e meio.

"Graças à determinação e à resistência dos cidadãos norte-americanos, limpámos os escombros da crise financeira e começámos a lançar as novas bases para um crescimento económico mais forte e duradouro", sublinhou a Casa Branca.

Lusa/SOL




2 Comentários
DEFENDEPORTUGAL
17.09.2013 - 13:04
e isso é alguma coisa de jeito face aos valores e tempo decorrido? NADA.

Foi mesmo ajudar o sector ..

Não custa nada.
Ajuda Portugal a libertar os territórios que nos conquistaram.
Somos poucos e estamos a perder território, precisamos de todos os patriotas.
É gratuito, defendes a nação, lutando, criando as tuas empresas, liderar partidos ou até o nosso Pais, segue o link:

www.erepublik.com/pt/referrer/Peac+eis+GOOD

LUTA POR PORTUGAL !!!!!









































































Chega pelo menos ao nível 10 (é muito rápido).
Espero por vós
vendap
17.09.2013 - 01:15
21 milhões foi o meu lucro.


PUB
PUB
Siga-nos
CD Carríssimas Canções de Sérgio Godinho
Assinaturas - Revista FEEL IT (PT)
Siga o SOL no Facebook


© 2007 Sol. Todos os direitos reservados. Mantido por webmaster@sol.pt