quinta-feira, 24 de Abril de 2014, 5:31
Pesquisa
pesquisar
Emprego Imobiliário Motores
iPad
Voto tranquilo em Angola

31 de Agosto, 2012por Luís Costa Branco
A população angolana está a exercer o seu direito de voto há três horas em todo o território nacional. Logo pelas 7 da manhã, hora de abertura das urnas, registou um movimento intenso de eleitores e agora as 10.349 assembleias de voto em toda a Angola aparentam estar mais desafogadas.

Não há registo de qualquer incidente até ao momento e os eleitores têm exercido o seu direito de voto de forma ordeira e tranquila. Nestas primeiras horas da manhã, algumas das principais figuras das várias listas já votaram, assim como vários titulares de cargos públicos.

O presidente da UNITA, Isaías Samakuva, exerceu o seu direito de voto depois das nove da manhã, na assembleia de voto 152 situada na Universidade Óscar Ribas em Talatona, e manifestou a sua satisfação pelo momento que o país está hoje a viver. O cabeça de lista da UNITA aproveitou ainda para deixar críticas à forma como foi realizado o credenciamento dos delegados presentes nas mesas de voto. Samakuva disse mesmo que o seu partido não conseguiu credenciar centenas de delegados e por isso mais de mil mesas de voto estão a funcionar sem qualquer representante da UNITA.

Minutos depois foi a vez de Manuel Vicente, número dois da lista do MPLA, votar na Cidade Alta no Colégio Yara Jandira. Manuel Vicente mostrou-se satisfeito com este dia de eleições e reiterou a confiança na vitória do seu partido.

O ministro da Administração Interna, Bornito de Sousa, também já colocou o voto na urna e, à comunicação social, garantiu que as assembleias de voto estão a funcionar desde a hora prevista e todos os eleitores vão poder votar se chegarem até às seis da tarde ao local de votação.

O cabeça de lista do MPLA e Presidente da República, José Eduardo dos Santos, ainda não votou e prevê-se que o faça nas próximas horas. O mesmo deve acontecer com os outros cabeças de lista que concorrem a estas eleições.

Cerca de 9 milhões de angolanos estão recenseados para este acto eleitoral que é o terceiro que se realiza em Angola desde a Independência em 1975.

luis.c.branco@sol.pt




4 Comentários
gipsyking
31.08.2012 - 14:38
Eleições de fazer inveja ao Salazar...
MariaPortuguesa
31.08.2012 - 14:02
Em Vilar de Perdizes já estão nas adivinhações deste grande mistério...
uomembranco
31.08.2012 - 11:07
deve ser difícil saber quem vai ganhar !
joseduarte
31.08.2012 - 10:48
O Sol estará a fazer de conta que estas são eleições normais, num país normal? E o que é pior - será que espera que alguém acredite?

A única «expectativa» é saber quantos votos o MAFIOSO consente à oposição, para manter aparências.

Ou então, se, à boa maneira de Putin, vai colocar uma marioneta no seu lugar. Já merece umas férias, para gozar os incontáveis milhões que ROUBOU.


PUB
PUB
Siga-nos
CD Carríssimas Canções de Sérgio Godinho
Assinaturas - Revista FEEL IT (PT)
Siga o SOL no Facebook


© 2007 Sol. Todos os direitos reservados. Mantido por webmaster@sol.pt