quinta-feira, 17 de Abril de 2014, 16:28
Pesquisa
pesquisar
Emprego Imobiliário Motores
iPad
OMS denuncia morte de prisioneiros na China para tráfico de órgãos

15 de Fevereiro, 2014
O consultor da Organização Mundial de Saúde (OMS) para a transplantação e o tráfico de órgãos, Francis Delmonico, disse hoje, em Lisboa, que há prisioneiros na China que são executados por causa dos seus órgãos.

Francis Delmonico falava no simpósio "Transplantation and Medicine Regenerative Slot" do congresso clínico internacional Leaping Forward, que decorre no Hospital da Luz, em Lisboa, onde revelou que a procura de órgãos leva a que prisioneiros na China sejam executados com esse fim.

Em alguns casos, são executados os prisioneiros necessários até um deles ter o tipo de sangue procurado, por quem naturalmente pode pagar o órgão.

Segundo Francis Delmonico, professor norte-americano de cirurgia em Harvard, os 110 mil órgãos que são transplantados anualmente representam apenas 10 por cento das necessidades globais.

Em resposta a esta escassez, quem precisa -- e pode pagar -- desloca-se a terras longínquas e mergulha no mundo da miséria para encontrar possíveis dadores: imigrantes ilegais, prisioneiros, refugiados que fugiram de genocídios, adiantou.

Francis Delmonico alertou ainda para a participação de médicos em algumas destas práticas, como o caso de um jovem no Bangladesh que vendeu um rim por "meia dúzia de dólares" e descobriu depois que o que lhe retiraram foi um pulmão.

"Foram médicos que fizeram isto!", repetiu várias vezes.

Lusa/SOL




5 Comentários
nalves
17.02.2014 - 16:13
Quetzal
16.02.2014 - 23:06
Está enganado são os ocidentais (não comunistas) que vão beneficiar com o crescimento da China dita comunista...são os ocidentais que fecham os olhos a isto para poderem beneficiar do crescente mercado chinês.
Quetzal
16.02.2014 - 23:06
NUM REGIME DESTES TUDO É POSSÍVEL E A ESQUERDA COMUNA ACHA QUE É COISA NORMAL ,CRIME SERIA DE FOSSE UM REGIME DE DIREITA.SE FOREM COMUNISTAS ...CHAMA-SE AMPLAS LIBERDADES.
Kalvin
15.02.2014 - 23:13
Não se podem tratar à canelada, Sampaio dixit. São a potência emergente, o exemplo da economia mundial... CIA dixit. Os próximos 20 anos são da China e a China vai mandar no mundo... a seguir aos EUA, claro, segundo o livro da CIA onde fazem a análise e a previsão dos proximos 20 anos no mundo !
Kalvin
15.02.2014 - 23:12
Não se podem tratar à canelada, Sampaio dixit. São a potência emergente, o exemplo da economia mundial... CIA dixit. Os próximos 20 anos são da China e a China vai mandar no mundo... a seguir aos EUA, claro !
quijote
15.02.2014 - 22:55
A economia chinesa já não cresce como o plano previa, os seus clientes estão em crise. Por isso o politburo decidiu entrar no tráfico de orgãos para dar de comer aos milhões de subnutridos chineses, pouco exigentes de resto, basta-lhes uma tijela de arroz e 2 gafanhotos por dia.


PUB
PUB
Siga-nos
CD Carríssimas Canções de Sérgio Godinho
Assinaturas - Revista FEEL IT (PT)
Siga o SOL no Facebook


© 2007 Sol. Todos os direitos reservados. Mantido por webmaster@sol.pt