domingo, 20 de Abril de 2014, 7:45
Pesquisa
pesquisar
Emprego Imobiliário Motores
iPad
Agricultura em Angola numa fase crítica

15 de Maio, 2011por Carlos Ramos
«ESTAMOS numa fase muito crítica. A cada vez maior necessidade de alimentarmos a população – hoje com cerca de 16 milhões mas dentro de 30-_-50 anos, com certeza, muitos mais – obriga-nos a adoptar, no sector agrícola angolano, as melhores práticas mundiais», a análise foi feita esta semana pelo ministro angolano da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas, Afonso Canga.

Foi na abertura da conferência ‘O Desenvolvimento Agro--Pecuário de Angola’, uma iniciativa conjunta do ministério do sector e da empresa Agromundo.

«Não basta ter muitas e boas terras. Não basta ter muita água. Precisamos é de aproveitar todo esse potencial», afirmou o ministro antes de apelar ao investimento privado de empresas estrangeiras presentes na ocasião: «Estamos dispostos a criar as condições, no quadro da política de incentivos, para captar investimento estrangeiro, em parceria com empresários angolanos».

Afonso Canga reconheceu ainda que a distribuição é um dos principais problemas a resolver, pois «quem produz e não consegue vender não volta a produzir mais». Nesta área existe já «um programa aprovado pelo Governo, que está a ser conduzido pelo Ministério do Comércio, e que, inclusive, já tem financiamento para colmatar os problemas de escoamento da produção».

Reabilitação rodoviária

A distribuição pode ainda beneficiar das obras que avançam no âmbito do Programa de Reabilitação de Infra-estruturas Rodoviárias (PRIR). À reconstrução da centenária ponte sobre o rio Kwanza, que veio permitir uma mais eficaz ligação entre a província de Malange e as regiões do Sul e Leste de Angola, junta-_-se a recuperação de 2.350 quilómetros da rede fundamental nas três regiões.

Também entre Malange e Cagandala, foram recuperados 50 quilómetros da estrada nacional 140, o que reduziu o percurso para metade. Já na região do Bengo Litoral, a reabilitação atinge os 1.300 quilómetros e 137 milhões de dólares de investimento.

A mensagem que tentou imprimir está protegida pela Gestão de Direitos de Informação. Não tem os direitos de utilizador necessários para imprimir a mensagem.

carlos.ramos@sol.co.ao




0 Comentários


PUB
PUB
Siga-nos
Assinaturas - Revista FEEL IT (AO)
Siga o SOL no Facebook
Assinaturas - Revista FEEL IT (AO)


© 2007 Sol. Todos os direitos reservados. Mantido por webmaster@sol.pt