quarta-feira, 23 de Abril de 2014, 17:59
Pesquisa
pesquisar
Emprego Imobiliário Motores
iPad
Judas em Cascais desafia Seguro

25 de Novembro, 2012por Manuel A. Magalhães
Várias concelhias estão dar problemas à direcção do PS. Braga e Cascais vão votam em candidatos indesejados. Matosinhos é barril de pólvora.

As eleições autárquicas são essenciais para a ambição de António José Seguro, mas a escolha dos candidatos nalgumas das principais câmaras do país está fora do controlo da direcção. Em Cascais, José Luís Judas, informalmente vetado no Rato, deverá mesmo avançar. A concelhia insiste no braço de ferro e prepara-se para levar a votação, na próxima terça-feira, o nome do antigo autarca – que ficou ligado a processos de especulação imobiliária.

Os dirigentes do Rato têm-se esforçado por arranjar uma alternativa. João Ribeiro e Álvaro Beleza, membros do secretariado, são referidos na distrital como os últimos nomes que Seguro tem na manga para travar a escolha de Judas. Na federação, porém, Marcos Perestrello não colocará resistência ao ex-autarca. Terá de ser Seguro a vetar ou, até à escolha na concelhia, conseguir convencer Judas a não avançar.

A Norte, o PS vive vários focos de tensão. Braga, a terceira cidade do país, terá como candidato o delfim de Mesquita Machado. Mas Vítor Sousa, que hoje será escolhido pela concelhia, é um nome problemático. O actual vereador com o pelouro dos transportes, está ligado a suspeitas de corrupção envolvendo a compra de autocarros. «Corremos o risco de perder, contra o Ricardo Rio, que já está em campanha pelo PSD», lamenta um socialista ligado ao processo.

Em Matosinhos, outra câmara emblemática do PS, o risco da derrota também é encarado por dirigentes locais. O_actual presidente Guilherme Pinto desafia o candidato oficial da concelhia, António Parada. E à confusão pode somar-se Narciso Miranda, expulso do PS, e que pondera candidatar-se. «Só Guilherme Pinto, se for a jogo, consegue 20 por cento dos votos», diz um dirigente matosinhense.

Em Santarém, a escolha é pacífica: Idália Serrão vai concorrer, com o apoio da federação. É o terceiro candidato a ‘saltar’ da bancada do PS, depois de Manuel Pizarro (Porto) e Basílio Horta (Sintra). A direcção do PS tenta convencer outros deputados a avançar para câmaras-chave. Almada, Setúbal, Faro e Coimbra continuam em aberto.

manuel.a.magalhaes@sol.pt




23 Comentários
chaparral
27.11.2012 - 11:06
possivelmemte irão perder em todas as câmaras, isto de meter boys em tudo o que é sitio tem os dias contados e o PS é campeão em boys, aliás é o porto de abrigo para os tresmalhados doutros partidos, por isso tanta derrota...
madmax
26.11.2012 - 19:25
Refresquem-me a memória: não foi este senhor Judas (que belo nome!) que aqui á uns anitos atrás se "esqueceu" de declarar impostos devido a "um infeliz lapso da contabilista" (a esquecida da esposa se não estou enganado...). Será que neste pais não há um minimo de vergonha na cara e um minimo de seriadade para ser eleito para um lugar publico? Já não há pachora!
meiodoido
26.11.2012 - 17:52
ainda não estão no poder e a guerra já começou, o preguiçoso e calão do seguro vai passar um mau bocado...como não é homem de fibra, aliás viu-se á rasca para acabar o antigo 7ºano, vai ter que ir embora, pois dirigir na real é complcado para um farquinho quanto o seguro...dois calões e dois doutores de aviário passos e sguro é o que dá...barraca..
bujardas
26.11.2012 - 16:55
Vigota, por certo que se o hospital fosse em Tires a freguesia de S. Domingos de Rana ficaria melhor servida. Mas como quem tapa de um lado destapa o outro, ai seriam as outras freguesias do concelho a ficar mais distantes.

Mas o problema do novo hospital nao era a sua localizacao (embora ao lado do aerodromo de Tires me parecesse um bocado estranho), mas sim a contrapartida de licenciamento de uma urbanizacao de 7500 fogos.

Se tal tivesse avancado, sei que um A.Santo qualquer ficaria bastante satisfeito por construir mais uma "Almada" (como a que fizeram em S. Pedro e pomposamente chamara Jardins da Parede)...mas depois, pense bem:

Se para essa nova urbanizacao fosse morar uma media de 2 pessoas por casa, seriam 15.000 pessoas. Se fossem 3 (casal com um filho), seriam 22500!

Eu queria ver se a populacao de S. Domingo de Rana, quando visse aterrar 15.000 a 20.000 pessoas na freguesia assim de uma so vez, se continuariam a achar piada ao novo hospital.

Olhe, para alem de essas pessoas chegarem para entupir o novo hospital, quem quisesse ir a outro demorava mais tempo de casa ate 'a A5, do que das portagens de Carcavelos a Lisboa.
bujardas
26.11.2012 - 16:13
Nao fizeram projectos novos porque nao havia espaco para mais. Tentaram controlar os danos e trazer "acalmia" depois da enxurrada de licenciamentos.
vigota
26.11.2012 - 15:39
É só bujardas!!!!!!!!!!
Que projectos novos fizeram estes em Cascais?
Não esqueça que a A5 antes de chegar a Alcabideche passa em Tires mas o Hospital só não foi para a Cidadela porque não cabia lá.
Cidadão de Tires,Aboboda,Talaide,Trajouce querem continuar abandonados? votem na mesma escumalha que lá está.
bujardas
26.11.2012 - 13:26
Cidadao de Cascais, queres licenca para construir um condominio privado no baldio de 100m2 que tens atras da tua casa? Vota Judas!
bujardas
26.11.2012 - 13:24
Cidadao de Cascais, queres mudar o Parque Natural Sintra-Cascais para Parque Urbano Sintra-Cascais? Vota Judas!!
bujardas
26.11.2012 - 13:23
Cidadao de Cascais, queres ver a estrada do Guincho polvilhada de condominios e hoteis ate 'a Malveira? Vota Judas!
bujardas
26.11.2012 - 13:20
Os oeirenses demoram menos tempo a chegar a Alcabideche pela A5 do que a Tires pelas estradas locais.
quijote
26.11.2012 - 12:26
O hospital em Tires serviria Cascais e Oeiras permitindo a Cascais anexar Oeiras. Obrigado Capucho pela tua estupidez.
bujardas
26.11.2012 - 11:58
Solucao do Judas/PS para o novo hospital de Cascais: construir em Tires, ao lado do aerodromo(!!!), em conrtapartida dava licenca para construcao uma urbanizacao de 7500 fogos (!!!!!) mesmo ao lado do hospital.

Felizmente houve eleicoes, o PSD/Capucho chegou, parou isso e fez o seguinte: novo hospital em Alcabideche, servido pelas A19/A5, bem centralizado no concelho, sem nenhuma urbanizacao monstra como conrapartida.
bujardas
26.11.2012 - 11:53
Ao terceiro mandato consecutivo do Capucho ainda havia obras licenciadas pelo Judas a comecar.
icebreaker
26.11.2012 - 11:30
Judas há muitos, os nomes é que vão variando..

entram na vida pública como comunas, com uma mão à frente e outras atrás das costas.. destapam a traseira quando decidem emigrar para o PS.. e no final saem de cena, usando as duas para agarrar o futuro risonho de capitalistas..

que o diga o Aspirina Moura.. que também passou dum inofensivo inimigo do Capitalismo nacional, para um "brilhante" administrador do Capitalismo estrangeiro..

e ainda se queixam do Insuspeitino Morais, do Major Valentão ou da FáFá de Felgueiras.. a côr vermelha, com o tempo vai-lhes descendo da cabeça para a sola dos sapatos..
tratorderasto
26.11.2012 - 10:36
Este tema não me interessa,mas como tenho de comentar aqui vai: Ó Seguro não seja Toninho ao ponto de querer ir à última ceia.
quijote
26.11.2012 - 09:43
Igual a si mesmo, o PS só será governo se colocar estes mafiosos em lugares chave. O próximo a colocar será o Pedroco da Casa Pia. Seguido do Ferroso.
vigota
26.11.2012 - 09:37
Os laranjas estão assustados com a possivel chegada de Judas e não é para menos pois ele foi um dos melhores presidentes de câmara de Cascais.Diz o Sr.jornalista que ficou ligado a "processos de especulação imobiliária" Sim ficou e estão gratos todos os loteamentos clandestinos que ele resolveu e dos "outros" os tribunais também resolveram e como NA......DA. Capucho & Cª. bem chafurdaram mas o homem saiu impoluto e sem que o PS mexesse uma palha para isso. A Concelhia apoia, Prestelo apoia e Judas diz "estou para ajudar o PS se a escolha for outro cá estou para ajudar" que querem mais? Sr.Magalhães não abuse em difamar sem provas do que diz, ok? espaculação imobiliária houve em todo o Portugal, até na Ota e agora em Alcochete.
provinciana
26.11.2012 - 08:53
Tomaram o gosto ao poder e agora é vê-los a lutar com unhas e dentes para se sentarem à mesa do orçamento.
Vão trabalhar malandros!
provinciana
26.11.2012 - 08:31
Tomaram o gosto ao poder e agora é vê-los a lutar com unhas e dentes para se sentarem à mesa do orçamento.
Vão trabalhar malandros!
Saleiro
26.11.2012 - 01:19
"Notícias en(sol)aradas", sobre o PS, como de costume...



PUB
PUB
Siga-nos
CD Carríssimas Canções de Sérgio Godinho
Assinaturas - Revista FEEL IT (PT)
Siga o SOL no Facebook


© 2007 Sol. Todos os direitos reservados. Mantido por webmaster@sol.pt