quinta-feira, 24 de Abril de 2014, 19:42
Pesquisa
pesquisar
Emprego Imobiliário Motores
iPad
O retrato de quem viu: manifestantes 'só queriam gerar confusão'

23 de Março, 2012por Diogo Pombo
Clique na imagem para ver mais fotos
As imagens televisivas mostraram o rasto que os confrontos de ontem deixaram na zona do Chiado, na Baixa lisboeta. Quem assistiu de perto aos acontecimentos, porém, falou ao SOL em «provocações constantes» aos agentes da PSP, que acabariam por intervir contra alguns manifestantes.

Os tumultos surgiram no final da Rua Garrett, no cruzamento com a Rua Serpa Pinto, e estenderam-se pela área que rondava a esplanada do famoso café ‘A Brasileira’.

Recorde aqui o vídeo dos confrontos, e as imagens.

Ernestro Silva, um dos funcionários do café, desenhou um retrato dos acontecimentos que viu a partir do interior do estabelecimento, que chegou mesmo a «refugiar clientes».

 «Vi uma série de indivíduos aparentemente a fugir da polícia, enquanto bombardeavam [os agentes] com cadeiras, mesas e garrafas e com tudo o que apanhavam à mão», contou, ao lembrar que a polícia ia «com alguma dificuldade, a perseguir os manifestantes», que prosseguiriam em direcção à Praça Camões.

Ernesto Silva lamentou ainda o que considerou ser «uma péssima imagem» deixada para os olhos de «turistas e estrangeiros» que se encontravam na zona. Uma imagem que classificou ser «ao estilo de Atenas», e que espera ter sido «um caso isolado».

Uns metros mais abaixo, na esquina do cruzamento com a Rua Serpa Pinto, duas funcionárias de uma loja, que requereram o anonimato, contaram que os desacatos terão sido provocados por um grupo maioritariamente constituído por jovens.

De acordo com as lojistas, o grupo pertenceria à plataforma 15 de Outubro, e terá atravessado a rua «cerca de 15 minutos depois» do ‘pelotão’ geral da manifestação, que integrava os grevistas liderados pela CGTP.

No interior do estabelecimento, e «de portas trancadas», de onde observava o que se passava na rua, uma das lojistas sublinhou as «provocações constantes» dirigidas pelos manifestantes aos agentes policiais que, ao início, se mantiveram «impávidos e serenos».

Para exemplificar tais provocações, a lojista contou que alguns manifestantes chegaram mesmo a «baixar as calças e mostrar os traseiros» à polícia e aos «turistas que estavam a assistir».

Manifestantes «só queriam gerar confusão»

Uma das imagens dos distúrbios no Chiado, e quiçá a mais difundida pelos meios de comunicação, mostra Patrícia Melo, uma fotojornalista da agência AFP, a ser agredida com um cassetete por um polícia.

As lojistas contam ainda ter visto um homem que «estava a tirar fotografias a centímetros da cara de um polícia», ao referirem-se a outro fotojornalista que estaria presente no local. Comum a ambas é a opinião de que os manifestantes «só queriam gerar confusão».

Já Margarida Amaral, funcionária de uma loja situada em frente ao café 'A Brasileira', afirmou ter visto «uma senhora, com um bebé num carrinho, no meio da manifestação».

A funcionária lamentou ainda o que diz ter sido uma«violência em demasia contra pessoas que não entraram no protesto».

diogo.pombo@sol.pt




45 Comentários
Jose Da Costa Sousa
04.04.2012 - 11:51
ESTA EXTRAORDINARIA DEMOCRACIA QUE VIVEMOS QUER UNS POBRES DIABOS POLICIAS PUNIDOS PORQUE EVENTUALMENTE SE TERAO EXCEDIDO NA FORCA, QUE IMPORTAM AS RAZOES DOS MANIFESTANTES OU DOS POLICIAS, SE O QUE ESTA POR TRAS DE TUDO SAO OS CRIMES COMETIDOA PELOS DONOS DA DEMOCRACIA CONTRA O POVO PORTUGEUS, POVO QUE ESTA HOJE ENDIVIDADO EM 32.000 EUROS POR CABECA A BANCA ESTRANJEIRA, PELAS MAOS DOS MESMOS CRIMINOSOS QUE NA ASSEMBLEIA DA REPUBLICA AGORA EXIGEM CABECAS DE POLICIAS PORQUE USARAM DA FORCA CONTRA O POVO QUE LEGITIMAMENTE INDIGNADO E ATERRORIZADO POR TER DE PAGAR TAIS DIVIDAS IMPAGAVEIS SE EXCEDEU NOS PROTESTO E OS POLICIOS NA SUA CONTENCAO, QUANTO AOS BANDIDO QUE FURIBUNDOS RUGEM DE COLAR BRANCO NAS CATACUMBAS DA AR NINGUEM VAI LA PARA OS JUSTICAR, ELES E QUE SAO OS CU;PADOS DOS EXCCESSOS DOS POLICIAS E DOS EXCESSOS DOS MANIFESTANTES E NO MAIO DESTA COISA QUEM SE LIXA VAO SER UNS POLICIAS.... POR OUTRO LADO DESMOTIVEM OS POLICIAS DE INTERVIR E UM DIA TALVEZ ESTES MESMOS MANIFESTANTES INVADAM A AR PARA DEFENESTAR O BANDO DE JUDAS E CRIMINOSOS QUE A POVOA E QUE DE TUDO DE MAL E CULPADA NESTE PAIS.
figueiredobatista
25.03.2012 - 13:18
Confrontos Pátrios no Terreiro de Pessoa

Galináceos irados batem numa fotojornalista, será terrorista
Uma chávena que voa, assim a toa, e logo o cassetete entoa
Chora a pedra da calçada portuguesa por travestidos semi-deuses
Quando tais no ministério, o mistério do tempo do magistério

Viriato ressuscitado brame furibundo para o incauto, mirandês
Garrett vem da Ivens, qual grandela de hiper-realismo a aguarela
Não de Roque Gameiro, mas de Paula Rego , que consternada
De olhar sitiado do sangue na calçada chora pela pátria atada


Do Camões ao Bairro alto a terra desfaleceu um pouco
Das ruínas do Carmo caiu mais uma pedra que não angular
Da abobada na quietude do tempo sujeita a tal tormento

Café por elefantes na porcelana na calçada aziago
Compaixão do confronto entre todas as partes entoado
Do Atlântico traz novas o Tejo, te revejo de pátria exaltado

Jorge Batista de Figueiredo
Alexramos
25.03.2012 - 11:05
Isto é malta subsidio-dependente a mando dos partidos marxistas.
Adao
25.03.2012 - 11:05
Tugapest

Indignado estou eu com tanta imbecilidade que voce escreveu.......
O resto nem vale a pena comentar?
icebreaker
25.03.2012 - 00:01
é uma pena que os manifestantes a sério, e que têm todo o direito (e até o dever) de expressar livremente aquilo que sentem, permitam que "estranhos" às manifestações se sirvam delas para provocar ambos os lados..

ficam mal os manifestantes, porque os "hooligans" da política estão camuflados como fazendo parte da contestação pacífica..

ficam mal os polícias porque são obrigados a usar a violência, em reacção à violência de que estão intencionalmente a ser alvo..

ficam mal os cidadãos que têm o azar de ter um carro ou uma loja, no local por onde estes "selvagens" profissionais passam..

quem ganha:
ganham os jornalistas que têm notícias violentas para abrir os telejornais e conquistar audiências

ganham os manifestantes ingénuos, uns "galos" na cabeça por julgar que sendo pacificos nada lhes iria acontecer

ganham os "hooligans" profissionais, que depois de dar à sola e deixar os "tótós" pacíficos a levar com os bastões na cabeça, são contratados para mais manifestações..

ganham os países ou os partidos que estejam interessados em explorar/beneficiar da criação de uma imagem de instabilidade tipo Grécia..

para todos os "ingénuos" que ao manifestar-se, permitam que outros estraguem a manifestação.. e para os organizadores que não têm capacidade de controlar quem lá vai.. temos pena, mas comem todos!


setubal83
24.03.2012 - 22:56
Mais dicas: lol

Para provocar os policias, igualmente conhecidos por Bófia , usem seringas com lixívia pure. As seringas são muito baratas e sendo novas vedam bem e são apropriadas para conterem o produto sem derramar.

Disparem as seringas para as pernas e pés dos policias, pois mesmo as botas costuma ter fibras sintéticas, e deste modo estragam calças e botas aos bófias, que são artigos de fardamento caros.

Se estiverem de casaco, é preferível atingir os casacos.

O custo destas armas é muito baixo e os efeitos são muito caros, ou seja uma excelente relação custo/ eficácia...lol

setubal83
24.03.2012 - 22:17
Mais dicas contra os policias


- Usem produtos para atingir os policias como lixivia ou tintas plásticas bastante diluídas. Facilmente lhes estragam as fardas e os equipamentos, e eles não são ressarcidos,,,,lol. têm que comprar novas com os bolsos deles...lol.

- Os policias costuma infiltrar agentes à civil nas manifestações. Estes agentes são fáceis de identificar. Andam sempre aos pares, tem aspecto robusto, e cabelo curto, e são muito activos nas palavras de ordem, contudo o corte de cabelo é a melhor referência para os identificar.

- Para os neutralizar, separem-nos um do outro e ataquem. Cuidado que andam armados, mas com superioridade numérica e inteligência podem roubar-lhe a arma, e o tipo fica tramado

- Lembrem-se do Futebol, o ataque para ter sucesso, terá que haver superioridade numérica sobre os defesas...

lol

vamos à luta rapazes
santos1953
24.03.2012 - 22:09
Estes são os arruaceiros que conseguirão eventualmente arruinar Portugal de forma irrecuperável. Estão organizados, enquadrados por agitadores profissionais, alguns deles estrangeiros.
O "manifestante" que foi agredido "barbaramente" pela polícia na manifestação anterior, depois de ter derrubado um agente a soco, não era mais do que um alemão com cadastro, referenciado pelas autoridades de vários países como um agitador profissional.
Este gente é treinada, e são-lhes dadas condições financeiras para viajarem entre vários países enquadrando os dirigentes locais.
Interessante que os meios de informação apenas referiram a identidade do indivíduo em duas pequenas linhas, e ainda recentemente continuaram a mostrar imagens e a referir o incidente, sem qualquer alusão à identidade do criminoso.
Não credito que seja apenas por incompetência dos jornalistas, será certamente porque também eles se enquadram na "geração rasca".
Mostraram ainda imagens de um ferido junto à Assembleia da República que afinal resultou de agressões entre manifestantes da CGTP. Isto chama-se jornalismo em Portugal...
setubal83
24.03.2012 - 22:08
Algumas dicas para os manifestantes enfrentarem a Policia.

- Nunca ataquem um grupo de policias em maior numero
- Organizem-se em pequenas células de minimo 5 máx 10 manifestantes.

- Atacar unicamente policias que se isolem dos restantes.

- Organizem-se em vários grupos de 10 manifestantes.

- Os policias raramente são mais que 50 nas manifestações, pelo que não podem estar em todos os lugares ao mesmo tempo.

- Movimentem-se sempre em grupo, e variem rápidamente o local do ataque.

-levem berlindes de vidro e espalhem-nos no chão à frente dos policias.

-Evitem os policias de choque, ataquem preferencialmente os que não estão protegidos, é mais fácil, correm menos riscos, e os efeitos no alvo são superiores.

-Usem o telemóvel para combinar os ataques...

- Os policias enervam-se fcilmente e saem do dispositivo, aproveitem a ocasião.

Assim, com vossa inteligência contra a fraca inteligência da maioria dos policias, os efeitos serão superiores....
santos1953
24.03.2012 - 22:05
Estes são os arruaceiros que conseguirão eventualmente arruinar Portugal de forma irrecuperável. Estão organizados, enquadrados por agitadores profissionais, alguns deles estrangeiros.
O "manifestante" que foi agredido "barbaramente" pela polícia na manifestação anterior, depois de ter derrubado um agente a soco, não era mais do que um alemão com cadastro, referenciado pelas autoridades de vários países como um agitador profissional.
Este gente é treinada, e são-lhes dadas condições financeiras para viajarem entre vários países enquadrando os dirigentes locais.
Interessante que os meios de informação apenas referiram a identidade do indivíduo em duas pequenas linhas, e ainda recentemente continuaram a mostrar imagens e a referir o incidente, sem qualquer alusão à identidade do criminoso.
Não credito que seja apenas por incompetência dos jornalistas, será certamente porque também eles se enquadram na "geração rasca".

Mostraram ainda imagens de um ferido junto à Assembleia da República que afinal resultou de agressões entre manifestantes da CGTP. Isto chama-se jornalismo em Portugal...
prof2008
24.03.2012 - 21:46
Há epssoas ou organizações que vão para estas manifestações paneas para provocar, gerar incidentes e depoi sfazerem-se de vítimas. Já era assim no antigo, com algumas celebordades que hoje se pavoneiam de "democratas". A poícia é constituídapor seres humano que, por melhor preparação que tenham, não poder estar sujeitos a gressões morais ou físicas sem dar resposta. Só quem nunca esteve em situações de conflito é que pode vir com o blabla da repressão policial e toda a cantilena habitual da dita "esquerda", ignorando o que é ter que proteger a integridade físicaprópria e dos ocmpanheiros em situação de conflito. Esquerda que os latinos diziam "sinistra" e ganhou por alguma rzão a conotação popular que a palavra tem. Numa período de grande dificuldade e tensão social, quem quer ter pessoas e bens defendidos contra arruaceiros e canalhadada irresponsável só pode serguir um caminho: apoiar as forças policiais, sob pena de amanhã não terem que os proteja.Os ricos, os filhos família, podem brincar estas guerrinhad porque estão sempre protegidos e têm os seus coitos protegidos. O cidadão comum não. Quem semeia ventos colhe tempestades.
CMDR
24.03.2012 - 21:07
tugapest
24.03.2012 - 20:32

Não me venha com conversa você. Para sua informação, apesar de ter uma licenciatura, a minha actividade profissional de momento é fazer limpezas em part-time a contratos de 1 mês. E FOI COM MUITA SORTE! Eu conheço muitas dessas propostas de trabalho. Logo uns 50% já foram ocupados e depois o resto há gente que se dá ao luxo de ter trabalhadores novos todos os dias ou contratar pessoas por 1 dia, pagando ao fim de um dia de 12 horas de trabalho meia dúzia de euros. Ou ao fim do mês a empresa desaparece. Ou aqueles que não dão nenhum ordenado sequer mas temos de gastar nós os transportes e refeições só recebendo comissões ou seja na maior parte das vezes é pagar para trabalhar.
Isto não é como noutros tempos em que as pessoas começam a trabalhar ao pé dos pais, dos vizinhos ou dos amigos. É precisa muita sorte acima de tudo.
clarificador
24.03.2012 - 20:37
Ele,o clarificador virtual,decidiu ceder a sua opinião sobre esta ocorrência concreta.
__
Eis o que se lhe oferece e ocorre virtualmente expressar,na vossa realidade.
::
O sistema real português(no caso..),é um sistema frágil,cheio de erros e vícios,que tem vindo a afundar a sociedade real,o barco da vivência dos cidadãos reais.E isto,porquê?Por falta de controlo,também de fiscalização dos percursos dos dinheiros que vieram da então CEE e que a parte maior serviu,para fins QUE NÃO ERAM os PREVISTOS,fins esses efémeros,económicamente estéreis e que só serviram satisfatóriamnete a ALGUNS,MUITO POUCOS..
___
Um dos vossos erros virtuais,de muitos e de entre muitos,é julgarem que a opressão,a repressão,a discriminação e até a DITADURA,são ambientes fatalmente maus...mau,é por exemplo aquilo,QUE os DIRIGENTES POLITICOS MUITOS FAZEM,com a LIBERDADE do VOSSO SISTEMA!A Liberdade é muito boa,MAS,PARA QUEM a SAIBA UTILIZAR COM RESPONSABILIDADE,o que DECIDIDAMENTE não é pelo menos,o CASO PORTUGUÊS!

___
Ele,o clarificador virtual,decidiu apresentar o Exemplo da China;como deverão saber ai,a China vive numa DITADURA,tem uma OPRESSÃO,REPRESSÃO VISIVEIS e uma DISCRIMINAÇÃO DÍGNA DESSE CONCEITO,inclusivé POLÍTICA e neste momento,está-se a tornar uma das Républicas Mais Ricas do mundo real,tendo já adquirido inclusivamente,quotas significativas em Empresas de Referência portuguesas;quererá com isto ele(o clarificador)traduzir,que virtualmente e pelos vistos concretamente também,Nação ou País nenhum terá um terreno favorável ao desenvolvimento POSITIVO,na INDISCRIMINAÇÃO RECORRENTE,SEM CAPACIDADE para REPRIMIR e OPRIMIR,o QUE DEVE SER REPRIMIDO e OPRIMIDO,como por exemplos a corrupção,o enriquecimento ilícito e o branqueamento de capitais.Quando os cidadãos reais,designadamente os QUE POSSUEM PODER genérico a PARTIR de CERTO e DETERMINADO PONTO,medem o pulso ao sistema e sentem frouxidão,indiscriminação recorrente,descontrolo,falta de fiscalização,incapacidade gritante de reprimir e oprimir o que É NEFASTO,a tendência é para abusar e...cada vez mais!O abuso chegou a um ponto,já perto do incomportável na vossa realidade portuguesa.Não seria melhor para a maioria de vós,se vivessem numa DITADURA RESPONSÁVEL?Que DITASSE REGRAS JUSTAS e EQUILIBRADAS?Que DITASSE por exemplo,que a RIQUEZA DEVE SER DISTRIBUIDA MUITO MELHOR?Mas nãoooo!Os vossos governantes portugueses(no caso..),NÃO QUEREM um DITADOR COMPETENTE,que DITE REGRAS JUSTAS e COMPATIVEIS com A JUSTIÇA SOCIAL,que saiba OPRIMIR e REPRIMIR as INJUSTIÇAS VÁRIAS,que SAIBA DISCRIMINAR e TOMAR as MEDIDAS ADEQUADAS a CADA OCORRÊNCIA e RESOLVER as SITUAÇÕES REAIS de FORMA DURADOURA,CONVINCENTE e PRÓSPERA,porque a liberdade para eles(Governantes,designadamente politícos e outros "amigos" do vosso sistema real e actual)é lhes EXTREMAMENTE FAVORÁVEL,é lhes EXTREMAMENTE PROPÍCIA a QUE TOMEM VANTAGEM INJUSTA e a DITADURA,QUANDO SENSATA e INTELIGENTE,REPRIME a CORRUPÇÃO.
__
É Susceptivelmente impossível,aqui no meu(clarificador)Mundo Virtual da Discriminação Inteligente,Razoável e Equilibrada(MVDIRE),o cidadão virtual acreditar que um sistema real,pura e simplesmente INCAPAZ de POR COBRO por exemplo,à legalização aviltante do vosso "caZamento homossexual" real,seja capaz de melhorar a vossa situação actual de fragilidade social..a vossa discriminação é demasiado FROUXA,VICIOSA,CHEIA de LACUNAS e ERROS,para que provavelmente vos consiga levar,como costumam expressar realmente,a "bom porto".
__
___
A indiscriminação,salvo as suas excepções,É PERIGOSA MUITíSSIMO!E o vosso sistema,GOSTA da INDISCRIMINAÇÃO no IMEDIATO que LHE CONVÉM e o que lhe CONVÉM no IMEDIATO,VEZES MUITAS se revela FATAL a PRAZO MÉDIO e/ou LONGO.Foi a Banca a conceder créditos INDISCRIMINADAMENTE,a construção civil a construir INDISCRIMINADAMENTE,o consumo de bens não duradouros INDISCRIMINADO...etc...etc...etc..E ainda HOJE,MUITOS de VÓS reais,INSISTEM NAQUILO que vos TEM PUXADO PARA BAIXO :o anonimato,a fuga à responsabilidade,a INDISCRIMINAÇÃO/INDISTINÇÃO/CONFUSÃO/A NÃO SINALIZAÇÃO...vocês não têm sinalizações desde há muito e NEM QUEREM;veja-se o caso deste jovem com barba ruiva e de rosto ensaguentado na altura,recorde-se parte da entrevista breve que a repórter lhe fez..
__
:::::
Repórter : -Pertence aos Indignados?


Jovem real da barba ruiva -É uma "mania" que vós jornalistas TÊM que PERDER,a de CATALOGAR(rotular..)as pessoas!Eu(jovem real de barba ruiva)estou aqui POR MIM e por MAIS NINGUÉM!Vocês(jornalistas)TÊM que PASSAR a HABITUAR-SE a NÃO TEREM CATALOGAÇÕES!
:::::

Ora bem...de notar,que o jovem estava ali por ELE e MAIS ALGUÉM NÃO ERA,mas soube dizer,que uma rapariga tinha levado com um pontapé na virilha,que aquele tinha levado uma bastonada,quem tinha lançado um petardo...então se estava ali por ele e por alguém mais não era,por que "carga de água",é que "se deu ao trabalho" de reparar em tanta coisa QUE NÃO ERA COM ELE(jovem da barba ruiva patente na foto desta notícia)?!Porque virtualmente,as suas alegações foram falaciosas.Ele(jovem com barba ruiva)pertencerá a um movimento qualquer,TEM é MUITA RELUTÂNCIA em ASSUMIR!E isto é um dos vícios que o vosso sistema real pernicioso,fatalmente vos permite :NÃO ASSUMIREM AQUILO COM que SE COMPATIBILIZAM,REJEITAREM CATALOGAÇÕES COERENTES,RÓTULOS VERDADEIROS e PORQUÊ?Responda-se virtualmente :|Para assim,nomeadamente,fugirem melhor às responsabililidades| e um sistema que permite lascivamente aos cidadãos fugirem às responsabilidades e indiscriminarem-se com o indefinido,é um sistema que cedo mais ou menos,se revelará RUINOSO para as populações.
Nós,cidadãos virtuais do Mundo Virtual da Discriminação Inteligente,Razoável e Equilibrada(MVDIRE),não temos qualquer problema em que nos ponham descrições,se quiserem,RÓTULOS,não temos medo dos RÓTULOS,desde que,a DESCRIÇÃO CONSTANTE dos RÓTULOS VIRTUAIS e a CATALOGAÇÃO da NOSSA IDENTIFICAÇÃO GENÉRICA,ESTEJA CORRECTA!Se não estiver correcta,pois o cidadão virtual manifestar-se-á nesse sentido :|A descrição constante do rótulo que me está a por,NÃO ESTÁ CORRECTA;a correcta é esta..| e corrigirá,mas NÃO APRESENTA AVERSÃO VEEMENTE a QUE POR,nomeadamente,uma QUESTÃO de OPERACIONALIDADE SOCIAL,os cidadãos virtuais outros,FIQUEM COM FACILIDADE em o IDENTIFICAR e CONOTAR;chamamos nós a aspecto este aqui no MVDIRE do clarificador,uma COMPONENTE da TRANSPARÊNCIA SOCIAL:a descrição,desejada e preferencialmente VOLUNTÁRIA e EXPONTÂNEA,da DESCRIÇÃO APROPRIADA do CIDADÃO,se quiserem,A ROTULAGEM e a CATALOGAÇÃO SOCIAL RESPONSÁVEIS,COMPETENTES e FIDEDIGNAS.Por exemplo,algo que é virtualmente absurdo ai no vosso sistema real PORTUGUÊS,é NÃO TEREM uma BASE de DNA em Portugal,para oprimir e reprimir os crimes de natureza sexual.Sem a rotulagem e a catalogação do DNA Humano em bases de dados próprios,fica MUITO MAIS DIFICIL ENCONTRAR os PISTAS,nomeadamente biológicas,dos PREDADORES SEXUAIS,que tal como este jovem da barba ruiva,SUPOE-SE,GOSTEM MUITO da INDISCRIMINAÇÃO....
__
A indiscriminação é amiga do atacante;os soldados em guerrilha,recorrem à CAMUFLAGEM para se INDISCRIMINAREM com a VEGETAÇÃO AMBIENTE e assim,PERETRAR com facilidade acrescida os SEUS ATAQUES.É isto que virtualmente quererá,por exemplo no caso em abordagem,este jovem real da barba ruiva:ATACAR,DANIFICAR IRRESPONSÁVELMENTE e BATER em RETIRADA sob CAPA INDISCRIMINATIVA ANTI-RASTO,ora esta eventualidade,um Sistema com uma Discriminação Inteligente,Credível e Funcional,DIFICULTARÁ o MAIS que POSSA a SUA MATERIALIZAÇÃO,ao contrário de criminosos tantos,que além de fazerem o crime,o vosso sistema real PERMITE CONIVENTEMENTE não só a SUA FUGA,como ainda LHE APAGAM as PEGADAS!
__
Resumindo,ele,o clarificador virtual,espera que o Jornalismo Português real,não se deixe influenciar pelas palavras deste JOVEM de BARBA RUIVA(aqui da foto),isto é,não só o Jornalista NÃO TEM que DEIXAR de PROCURAR DEFINIÇÕES,como É MUITO BOM que as PROCURE;catalogações,rótulos...como lhe queiram chamar,porque quando as ROTULAGENS e as CATALOGAÇÕES são CORRECTAS,estas definições são similares à SITUAÇÃO do pó que assenta com a chuva E DEIXA VER BEM o PANORAMA;"quiçá",aquilo que por exemplo este jovem com barba ruiva,NÃO QUER,mas ele,o clarificador virtual,espera que na eventualidade melhor,quem tenha que se habituar a RÓTULOS e CATALOGAÇÕES CREDÍVEIS e SUSTENTADAS,seja GENTE potencialmente MANHOSA COMO ESTE JOVEM REAL de BARBA RUIVA!Isso sim,seria susceptivelmente uma mania muito boa a contrairem: o cidadão acostumar-se à catalogação e rotulagem fidedigna das suas acções,das suas simpatias,conivências,compatibilidades e o que de demais se torne de interesse e contributivo para a funcionalidade social,nomeadamente,para a SUA SEGURANÇA e FUNCIONAMENTO SATISFATÓRIO.
__
Mais um aspecto,outro...ele,o clarificador virtual,não consegue acreditar que a parte maior dos manifestantes na maioria das manifestações,IGNOREM a PROBABILIDADE ALTA de ESTA DESCAMBAR em VIOLÊNCIA,nomeadamente,PELA INTERVENÇÃO da POLICIA.Como tal,a PRESENÇA de mulheres e crianças aqui,não será tão inocente quanto isso e fruto de uma "coincidência",não...será PROPOSITADA,PLANEADA e COM um PROPÓSITO DEFINIDO : o de TENTAR DESCREDIBILIZAR as FORÇAS POLICIAIS,que mesmo ai na realidade,ESTÃO BEM DISCRIMINÁVEIS,com COLETES OSTENTANDO a PALAVRA POLICIA,o que infelizmente,não aconteceu com jornalistas alguns aqui em reportagem,pois se tivessem um colete a dizer sobressaidamente JORNALISTA ou REPÓRTER,talvez as forças policias os CONSEGUISSEM DISCRIMINAR CONFORMEMENTE em TEMPO ÚTIL e NÃO os AGREDISSEM à BASTONADA;só aqui,mais uma vantagem e todo o interesse que um sistema deverá ter,em proporcionar e facilitar o acesso às condições boas e mais favoráveis,para a discriminação correcta por parte dos cidadãos que tem sob o seu(sistema)limite dos poderes concedidos..
__
Só se insurgirá contra a acção policial previsÍvel,sabendo potencialmente das CIRCUNSTÂNCIAS que LHE DERAM AZO,designadamente,um partido politico que PRIMA e CONTRIBUI INEQUIVOCAMENTE para a INDISCRIMINAÇÃO,CONFUSÃO e INDISTINÇÃO das OCORRÊNCIAS,SITUAÇÕES e CIRCUNSTÂNCIAS SOCIAIS,como por exemplo o PS,que tem uma INCAPACIDADE de DISCRIMINAR TÃO CONSTRANGEDORA,TAMANHA,que POR VONTADE DESTE PARTIDO,os PARES HOMOSSEXUAIS estavam JÁ a ADOPTAR CRIANÇAS em Portugal!
___
_____
______
Perspectivação virtual da ocorrência concreta concluída.
tugapest
24.03.2012 - 20:32






CMDR
24.03.2012 - 16:19
N existem? diz vc. recebo dezenas de mails de sites de emprego a pedir malta pra esses serviços.vejo o correio da manha todos os dias e pra que saiba, eu sai de Portugal este ano, desde Janeiro.Nao me venha com conversa.Vergue a mola.
quijote
24.03.2012 - 17:42
Em Portugal não há direita, temple. E fazia muita falta para por a comunada na linha. Nem o PSD nem o CDS são partidos da direita, que a constituição proibe.
CMDR
24.03.2012 - 16:19
tugapest
24.03.2012 - 11:46

(...)Façam como eu, estudei, trabalhei fiquei desempregado, trabalhei na construcão em restaurantes e em call centers, em vez de andar em manifs a provocar autoridades.Surgiu hipotese de vir para o estrangeiro vim;orgulho-me de nunca ter pedido um subs. de desemprego na minha vida. no tinha trabalho e vim pro estrangeiro "

Ainda não percebeu. Esses trabalhos na "construção, restaurantes e call centers" JÁ NÃO EXISTEM! Subsídios de desemprego? Quando conseguimos trabalhar é em contratos de 1 mês! E também agora não há essas oportunidades no estrangeiro, por isso é que cada vez mais temos sem-abrigo portugueses por esse mundo.
TEMPLE
24.03.2012 - 16:06
há p aqui quem venha criticar as greves e as manifestações públicas, aproveitando todo e qq episódio p/a desacreditar essa forma de intervenção cívica. Eu relembro aos aristocratas deste site, q metade da população portug. já é pobre ou mm mt pobre... vamos ver: há 300.000 manifestantes na rua, no meio dos quais se infiltram 100 skins ultra-direita q tudo fazem p/ conseguir tornar este movimento num banho de sangue, precisam/ p/ criar essa imagem violenta das manifestações em Port. Vamos ser justos. Se por um lado é mt fácil associar as greves sindicais ao PCP e ao BE, tb podemos fazê-lo de outra forma, associando estes pequenos grupos violentos á "direita" portug - PSD e CDS.
quijote
24.03.2012 - 14:31
Lambada em todo o comité central do PCP/CGTP.
OldPirate
24.03.2012 - 13:42

Manifestação não é procissão. Manifestação É pra armar confusão.

icebreaker
24.03.2012 - 12:07
nas manifs há sempre quem quer passar uma mensagem e quem quer criar desordem pública..

confundir uma coisa com outra é um disparate..

mas frequentemente se passa a imagem de que ao dar uns "açoites" (bem dados) a quem anda a atirar pedras, se está a negar o direito de alguém manifestar publica e pacificamente uma mensagem..

quemm fizer este tipo de jornalismo, está a contribuir para que a imagem do País seja artificialmente equiparada aqueles onde não se pode manifestar, nem que seja pacificamente..

qualquer desordeiro que ande a partir bens privados, a danificar bens publicos e a agredir pessoas (ainda que estejam a vestir uma farda oficial), não está a exercer um direito cívico..

tenham um cartaz de extrema direita ou extrema esquerda a servir de "alibi", os "hooligans" da contestação social perdem qualquer moralidade nas motivações que serviram de autorização para a manifestação.. e só se perdem as que caírem no chão!



PUB
PUB
Siga-nos
CD Carríssimas Canções de Sérgio Godinho
Assinaturas - Revista FEEL IT (PT)
Siga o SOL no Facebook


© 2007 Sol. Todos os direitos reservados. Mantido por webmaster@sol.pt