quinta-feira, 24 de Abril de 2014, 19:40
Pesquisa
pesquisar
Emprego Imobiliário Motores
iPad
Movimento 'Que se lixe a troika' espera 'grande manifestação' no sábado

24 de Outubro, 2013
O movimento "Que se lixe a troika" espera, no sábado, uma "grande manifestação" a percorrer as ruas de várias cidades do país, numa altura em que está a ser discutido "um desastroso" Orçamento do Estado para 2014.

Treze cidades portuguesas já confirmaram que vão aderir, no sábado à tarde, à manifestação "Que se lixe a troika! Não há becos sem saída!", num protesto para pedir "a demissão do Governo" e "a expulsão da troika" do país.

A manifestação pretende demonstrar, "mais uma vez", que os portugueses "não estão de acordo com a intervenção da troika, com as medidas adaptadas pelo Governo e com o Orçamento de Estado (OE) para 2014", disse à agência Lusa Joana Campos, uma das promotoras do protesto.

A manifestação, que em Lisboa começa no Rossio e termina na Assembleia da República, coincide com a discussão do OE para o próximo ano e pouco tempo depois da presença em Portugal dos elementos em representação da União Europeia, Banco Central Europeu e do Fundo Monetário Internacional (troika), adiantou.

Joana Campos considerou o OE para 2014 "desastroso", referindo que representa "um aumento real do desemprego, aumento brutal dos impostos e subida da despesa pública".

Os promotores do protesto esperam "uma grande manifestação", tendo em conta que a convocatória foi aberta ao público e já foi subscrita por mais de 900 pessoas de todos os sectores da sociedade portuguesa, além dos vários vídeos de apoio feitos por personalidades públicas de diferentes áreas, da política à cultura.

No final da manifestação, junto à Assembleia da República, em Lisboa, vão ser feitas várias intervenções políticas e culturais.

Para tal, os organizadores querem ocupar a escadaria da Assembleia da República, mas ainda não têm autorização da Polícia.

O movimento "Que se lixe a troika" organizou as manifestações de 15 de Setembro de 2012 e 02 de Março deste ano.

Lusa/SOL




3 Comentários
icebreaker
26.10.2013 - 13:02
e para quando a manifestação "QUE SE LIXE QUEM CHAMOU A TROYKA"?
uma coisa sem a outra não tem graça alguma..

afinal quem é que nasceu primeiro:.. os "filhos da mãe" da Troyka, ou o "estupor" que a chamou?..

se nenhum dos dois tem utilidade para o país, mas ambos estiveram de braço dado neste "saque" que se está a fazer aos cidadãos.. então tem de se mandar lixar os dois.. a menos que o movimento não seja (como parece), de forma alguma isento e imparcial, e pretenda criar a ilusão que a Troyka nasceu por geração espontânea e caíu aqui de para-quedas..

não foi bem assim, pá!..
tratorderasto
24.10.2013 - 16:37
Esta grandiosa manifestação devia ser feita em carrinhos de bébé,é claro que não existem biberões desinfetados para todos,logo,é bom que os bébés se habituem a chuchar no dedo.GDM-ó trator,se não forem os avós a empurrar os carrinhos(coitados)como é que eles vão subir os degraus da vida?
Algarvez
24.10.2013 - 15:50
E se troika se lixar para esta irresponsabilidade toda, desaparecer e exigir o pagamento integral do calote, contra quem farão as manifestações?

A pendência principal não é a troika nem o orçamento, a grande questão é simplesmente:
PARA ONDE FOI E VAI O DINHEIRO DOS EXAGERADOS IMPOSTOS COM QUE ESBULHAM OS CIDADÃOS?
Esse é que é o enorme busílis da questão!


PUB
PUB
Siga-nos
CD Carríssimas Canções de Sérgio Godinho
Assinaturas - Revista FEEL IT (PT)
Siga o SOL no Facebook


© 2007 Sol. Todos os direitos reservados. Mantido por webmaster@sol.pt