Keir Starmer reafirma reconhecimento do Estado da Palestina

O recém-eleito primeiro-ministro britânico voltou a reforçar a posição do Reino Unido.

O novo primeiro-ministro do Reino Unido, Keir Starmer, reafirmou, este domingo, perante o presidente da Autoridade Palestiniana, Mahmoud Abbas, que permanece firme na sua intenção  de reconhecer o Estado da Palestina, tal como refletido nos princípios da campanha do Partido Trabalhista.

O líder trabalhista, durante uma conversa telefónica com o responsável palestiniano, disse que a sua “política de longa data sobre o reconhecimento (da Palestina) para garantir a sua legitimidade internacional e contribuir para um processo de paz não mudou e que é um direito inegável de todos os palestinianos”.

Esta foi a primeira conversa entre os dois líderes desde que Starmer tomou posse na sexta-feira, depois de uma vitória esmagadora sobre conservadores.

O novo primeiro-ministro britânico informou ainda Abbas das suas prioridades para a região, incluindo a obtenção de um cessar-fogo e o regresso dos reféns detidos pelas milícias palestinianas.