Internacional

Menino autista de seis anos abandonado pela mãe no KFC

O alerta foi dado pelos funcionários do restaurante.

Uma mulher de 28 anos abandonou o filho autista de seis, numa cidade próxima de Xangai, na China, por não conseguir suportar os custos dos cuidados permanentes.

“Sou uma mãe solteira e não consigo sustentar o meu filho. O pai dele saiu de casa há três anos. Espero que um bom samaritano o encontre e fique com ele ou que o institucionalizem” podia ler-se no papel que a mãe deixou no bolso do casaco da criança, encontrada num restaurante KFC, na Hangzhou Railway Station.

O menino foi encontrado enquanto vagueava pelo restaurante, na segunda-feira. Os funcionários do KFC suspeitaram que a criança tinha sido abandonada. O agente Yao Jianguo, citado pelo Daily Mirror, afirmou: “Tentei falar com ele mas não disse uma única palavra. Simplesmente comeu e andou”.

A mãe, identificada através das imagens captadas pelas câmaras de vigilância – onde se pode ver que ocultou a cara com um boné após deixar o menino sozinho – foi detida e confessou às autoridades que “não podia continuar a viver assim” pois recebia apenas 3,000 renminbi (388 euros) mensalmente e tinha de pagar 2,000 renminbi (258 euros) ao cuidador do filho.

O menino passou o dia com os agentes da polícia e, posteriormente, deu entrada no Hangzhou Children's Welfare Institute. Várias famílias já se disponibilizaram para contribuir para os custos de vida do menor