Sociedade

Homem detido em flagrante delito por incêndio florestal

Crime ocorreu em Castelo Branco

Durante a última quinta-feira, um homem de 67 anos foi detido em fragrante delito por militares da GNR do Posto Territorial de Alcains, pela prática de um crime de incêndio florestal.

O crime ocorreu no concelho de Castelo Branco. De acordo com o Comando Territorial de Castelo Branco da GNR, os militares agiram rapidamente, deslocando-se ao local, e procedendo à detenção do suspeito ao verificar que o mesmo estaria a realizar uma queimada, da qual perdeu o controlo, propagando-se o fogo.

A GNR lembrou que as queimadas se encontravam proibidas no concelho devido ao “elevado risco de incêndio rural”.

Constituído arguido, o detido foi sujeito à medida de coação de termo e identidade e residência.