Internacional

Jovens suspeitos de violar e matar dois homens

“Aconteceu-lhe algo semelhante ou a alguém que conhece? Marcou um encontro online que resultou em furto, violação ou intoxicação por drogas? Contacte a minha equipa” apelou o detetive Rob Pack.

 

Uma adolescente de 17 anos e um homem de 24 foram detidos na sequência de um homicídio e de uma violação com auxílio de estupefacientes, em dois bairros londrinos. As autoridades britânicas acreditam que existem mais vítimas desta suposta dupla.

De acordo com o Daily Mail, a alegada vítima de abusos sexuais, de 40 anos, contou às autoridades que “conheceu um homem na aplicação de encontros Grindr” e convidou-o para ir a sua casa, a 30 de maio. No entanto, explica que acredita que foi drogado “por um homem e salvo por um amigo que o encontrou inconsciente”. Por outro lado, Adrian Murphy, de 43 anos, foi encontrado morto na sua habitação em Battersea, a 4 de junho. O seu apartamento foi alvo de um assalto e variados objetos foram roubados após a sua morte, tais como um computador portátil e uma carteira.

Segundo o The Sun, o cadáver de Murphy foi autopsiado no hospital de St George, contudo, não foi possível determinar a causa da morte. O caso está a ser liderado pelo detetive Rob Pack, do comando de homicídios da polícia metropolitana que, à comunicação social, adiantou que “os dois incidentes [violação e homicídio] foram conectados mas as circunstâncias exatas dos crimes ainda estão por apurar”, acrescentando também “que existe a possibilidade de outros factos criminosos terem ocorrido antes de maio”.

O homem está acusado dos crimes de homicídio, violação e roubo. Foi libertado sob fiança e terá de se apresentar numa esquadra da polícia numa data futura. A adolescente estava indiciada dos crimes de homicídio e roubo mas estará em liberdade enquanto a investigação não for concluída.