Tecnologia

Facebook bloqueia beijo lésbico

Carlotta Trevisan teve a sua conta de Facebook ser bloqueada depois de publicar uma fotografia de um beijo entre duas mulheres. 

“É um beijo casto, puro”, afirma a italiana de 28 anos e mãe de uma menina de seis anos ao jornal italiano La Stampa. Carlotta refere que publicou a imagem como fotografia de perfil, na passada quinta-feira, para celebrar o Dia Internacional Contra a Homofobia e Transfobia e debater com os amigos as questões LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transexuais). 

Depois de alguns comentários positivos, começaram a chegar os negativos como por exemplo: “Tira isso, tenho filhos menores para proteger”. Em seguida, a rede social enviou-lhe uma mensagem a avisar que alguém tinha denunciado a fotografia porque violava as regras de “nudez e pornografia” e pedem para retirá-la. 

“Esta é uma fotografia que aparece no motor de busca Google”, refere Carlotta. Parte para o contra-ataque: enviou um e-mail às amigas que mais ‘frequentam’ o Facebook com a fotografia e a explicar o que aconteceu. “Que nos banam a todas!”, foi a resposta solidária que recebeu.

Mas confessa: “O que me magoa é razão pela qual me bloquearam a conta, é a razão pela qual me impedem de comunicar com os meus amigos, com o mundo. Privam-me da libertada que é intrínseca ao Facebook”.

Questionada sobre se iria criar outro perfil, respondeu veemente que não. “Quero restaurar o meu e com todas as fotografias. Não há nada de mal num beijo. Com aquele beijo”. Hoje, Carlotta já tinha a sua página activa e com a mesma imagem como fotografia de perfil.

SOL