Sociedade

Trabalhadores das cantinas em greve na 2.ª feira

Os trabalhadores das cantinas, refeitórios, áreas de serviço e bares concessionados cumprem na segunda-feira uma greve nacional contra o congelamento salarial desde há quatro anos, anunciou hoje fonte sindical.

"Face à intransigência da AHRESP [Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal] e das empresas, foi convocada uma greve a nível nacional para este sector de actividade que afectará cantinas de fábricas, escolas, institutos públicos e privados e, em particular, os hospitais", refere em comunicado o Sindicato dos Trabalhadores da Indústria de Hotelaria, Turismo, Restaurantes e Similares do Norte.

Segundo salienta, os trabalhadores do sector "não são aumentados há quatro anos", sendo que "a associação patronal AHRESP recusa aumentos salariais" e lhes "quer retirar direitos".

Por outro lado, "as empresas do sector também recusam proceder a aumentos salariais e estão a pôr em causa direitos importantes dos trabalhadores", acrescenta.

Lusa/SOL