Politica

Manifestantes identificados no 10 de Junho

Empurrões e gritos de protesto levaram a um reforço policial para conter os manifestantes que se encontravam em frente à bancada presidencial. Alguns manifestantes acabaram por ser identificados durante a cerimónia militar do 10 de Junho na cidade da Guarda.


Um dos manifestantes identificados acabou por dizer à RTP Informação que o agente que o identificou estava à paisana, infiltrado na manifestação, e era " um dos que batia palmas".

Dois grupos acabaram por se envolver em desacatos sem grande gravidade, enquanto um grupo de protestantes pedia a demissão do Governo.

Segundo um dos manifestantes ouvido pela RTP Informação, um grupo de cidadãos da Guarda aonde haveria "agentes infiltrados" terá tentado instigar uma confusão que acabou por se saldar apenas numa cena de empurrões e troca de insultos.

A confusão gerada pelos protestos subiu de tom precisamente no momento em que o Presidente da República se sentiu mal e teve de receber assistência médica.

margarida.davim@sol.pt