Internacional

Ano e meio de cadeia para ex-assessor de David Cameron

Andy Coulson, o antigo director do jornal sensacionalista News of the World, que depois se tornou director de comunicações do primeiro-ministro britânico, foi esta sexta-feira condenado a uma pena de 18 meses de prisão efectiva por escutas ilegais.

Coulson foi condenado por um tribunal de Londres, Reino Unido, em conjunto com três outros jornalistas do extinto tabloide e com um detective privado. Em causa estavam escutas telefónicas ilegais a políticos, celebridades e vítimas de crimes com que o jornal produziu inúmeras notícias.

Em reacção à condenação do seu antigo colaborador e amigo pessoal, David Cameron reafirmou que “ninguém está acima da lei”. Há dias, o primeiro-ministro britânico pediu desculpas por ter contratado Coulson.