Desporto

Rui Costa ‘casa-se’ com a Lampre

Na véspera do arranque da Volta a França, onde pela primeira vez vai assumir o papel de chefe-de-fila, o ciclista português de 27 anos anunciou ter chegado a acordo com a Lampre para prolongar o contrato por mais dois anos.

Quando decidiu deixar a espanhola Movistar, Rui Costa fez questão de assinar apenas por uma temporada com a equipa italiana, de modo a avaliar o grau de satisfação de ambas as partes no final desse período, segundo justificou.

Agora, antes de atacar o principal objectivo da época, o namoro deu em casamento: o campeão do mundo tem tudo acertado para continuar na Lampre até 2016, sinal de que a experiência tem sido positiva. O recente triunfo na Volta à Suíça, o terceiro consecutivo, terá ajudado a tirar as dúvidas que pudessem existir entre o corredor e a equipa.

“Sete meses passaram e só tenho a agradecer à equipa e aos patrocinadores o voto de confiança que me deram. Tenho uns colegas fantásticos, que me ajudam o máximo que conseguem e nada mais lhes posso exigir ou apontar, apenas dizer obrigado por tudo o que fazem por mim”, escreveu o ciclista da Póvoa de Varzim no seu site oficial. "Desde que entrei para a Lampre fui apoiado por todos. Aqui encontrei uma equipa motivada e pronta a trabalhar. Somos um grupo unido, que se ajuda mutuamente. É este sentimento de entreajuda e de estabilidade que me fez chegar a um acordo com a equipa e com os patrocinadores, para ficarmos juntos mais dois anos”.

rui.antunes@sol.pt