Economia

Lucios assegura obra de 1,2 milhões de euros no Minho

A empresa portuguesa Lucios foi escolhida pela Refer para assegurar o projecto da supressão de quatro passagens de nível da Linha do Minho, em Barcelos.

A empreitada tem um orçamento de 1,2 milhões de euros, e a construtora prevê que esteja concluído em Novembro deste ano.  Esta é a primeira empreitada da empresa nortenha neste segmento.

 Este projecto pretende “dotar a zona de mais segurança e melhor acessibilidade, assim como aumentar a eficiência da exploração do troço Nine-Viana, na linha do Minho”, explica a empresa em comunicado.

“Os trabalhos nesta obra passam pela construção de uma passagem inferior rodoviária e uma de peões, assim como uma passagem superior agrícola, com o objectivo de aumentar a segurança e a visibilidade que são afectadas pelas velocidades excessivas que ali se praticam, prejudicando a visibilidade e avistamento dos comboios”, explica o Filipe Azevedo, administrador da Lucios. 

No que respeita a execução técnica, Filipe Azevedo destaca algumas particularidades da obra: “A nível de execução, as duas passagens Inferiores serão desenvolvidas pelo método do deslize por pressão hidráulica com implementação de sistema provisório de suspensão da via férrea. Já na passagem superior agrícola, a mesma será constituída por um tabuleiro pré-fabricado”, pormenoriza.

Actualmente a construtora tem 40 projectos em curso ou prestes a arrancar, no valor de 70 milhões de euros. 

sara.ribeiro@sol.pt