Economia

Portugal coloca 1.000 milhões de euros de dívida a juros mais baixos

Portugal colocou hoje 1.000 milhões de euros de dívida de curto prazo em dois leilões tendo, em ambos, pagado juros mais baixos que os pagos nas anteriores emissões comparáveis, segundo o Instituto de Gestão de Crédito Público (IGCP).

No leilão de Bilhetes do Tesouro a três meses, Portugal colocou 200 milhões de euros à taxa de juro média de 0,097%, inferior à do anterior leilão comparável realizado a 18 de Junho, tendo nessa data colocado 500 milhões de euros à taxa de juro de 0,18%.

Já na outra linha de Bilhetes do Tesouro, com maturidade a um ano, foram hoje colocados 800 milhões em títulos de dívida à taxa de juro de 0,216%.

No leilão comparável, realizado em Julho passado, Portugal emitiu 850 milhões de euros de Bilhetes do Tesouro a um ano, a um juro de 0,453%.

A procura no leilão de hoje a três meses superou em 3,35 vezes a oferta, enquanto no leilão de títulos de dívida a um ano a procura foi 1,79 vezes superior à oferta.

Lusa/SOL