Economia

Colombos Resort no Porto Santo estuda expansão

O Colombos Resort, empreendimento turístico na ilha do Porto Santo, que integra o portfólio da gestora de fundos ECS Capital, pode vir a ser ampliado.

“Foi concluída a primeira fase e iniciadas as vendas imobiliárias, permitindo dinamizar o turismo no Porto Santo e gerando emprego na região. Face ao sucesso alcançado, existe a intenção de desenvolver uma nova fase do projecto, estando esta a ser alvo de estudo e análise”, avançou ao SOL fonte oficial do empreendimento, adiantando que a decisão deverá ser tomada em finais do próximo ano.

Actualmente, 65% do projecto está concluído. Inclui um hotel de cinco estrelas gerido pelo grupo Pestana e ainda 74 apartamentos de T2 a T4 duplex e dez villas de tipologia V4, cuja comercialização foi recentemente lançada, com preços entre os 212 mil e os 826 mil euros. 

Este produto imobiliário tem sido direccionado para vários mercados no estrangeiro, tanto para uso pessoal como para investimento e exploração turística.

A avançar, a segunda fase poderá acrescentar mais um suite-hotel e outro núcleo de apartamentos

O Colombos Resort passou para a gestora de fundos de capital de risco e de reestruturação em Dezembro de 2011, após a insolvência da Sociedade Imobiliária e Turística do Campo de Baixo, maioritariamente detida pelo grupo Siram, requerida em 2010. Mas, em 2008 já a empresa enfrentava dificuldades financeiras que levariam à paralisação da construção do empreendimento, cujo projecto inicial contemplava ainda um casino e um centro de congressos.

Em Janeiro de 2013 as obras da primeira fase foram retomadas e a unidade hoteleira - que mereceu um investimento de 10 milhões de euros e criou 55 postos de trabalho – abriu no Verão do ano passado. 

ana.serafim@sol.pt