Politica

As contas escondidas da Festa do Avante!

São uma presença habitual e este ano não vai ser excepção. A Entidade das Contas e Financiamentos Políticos (ECFP) vai enviar fiscais para uma “acção inspectiva” na Festa do Avante!, que decorre entre 5 e 6 de Setembro, na Quinta da Atalaia, no Seixal.

PCP e Entidade das Contas não têm tido uma relação fácil, principalmente por causa da Festa do Avante!, um dos pontos altos da angariação de fundos do partido. Ao longo dos anos, a ECFP tem levantado algumas dúvidas quanto ao cumprimento na íntegra da lei de financiamento partidário, devido sobretudo aos limites anuais que um partido pode obter em angariações de fundos (639 mil euros) e que pode receber em dinheiro vivo (21.300 euros). “Um evento de grande dimensão levanta especial atenção no seu controlo, nomeadamente a verificação do cumprimento dos limites legais”, afirma ao SOL fonte oficial da ECFP.

No último relatório publicado, relativo a 2009, a ECFP nota, por exemplo, “deficiências no suporte documental” e a “impossibilidade de confirmar os montantes, a origem, a razoabilidade e o depósito das receitas”, designadamente da Festa do Avante!.

Saiba mais na edição impressa do SOL hoje nas bancas.

sonia.cerdeira@sol.pt