Sociedade

Postos SOS das auto-estradas ‘falam’ espanhol

Nas auto-estradas portuguesas há 16 postos SOS em que os automobilistas que precisam de socorro ouvem uma gravação em espanhol. O problema deve-se a um “erro” detectado após uma reparação nesses equipamentos, justifica a Brisa.

“Essa situação já está identificada e foi detectada em 16 dos 1050 postos SOS”, admitiu ao SOL fonte oficial da concessionária, acrescentando que o problema “será corrigido brevemente” ao abrigo do plano de actualização tecnológica destes equipamentos.

Um dos postos que ‘falam’ espanhol fica situado na A2 no sentido Algarve/Lisboa. Foi ali que Ana parou para pedir ajuda quando uma peça do carro se soltou quando viajava para Lisboa. 

Mas o posto SOS não só estava avariado, como a mensagem em que se comunicava a avaria era feita em castelhano. “Imagine o meu espanto”, disse ao SOL, acrescentando que, numa etiqueta junto ao telefone, era dado um número gratuito para o qual ligar em caso de avaria do posto. “Usei o telemóvel para pedir ajuda. Foi uma sorte ter a bateria carregada, caso contrário não sei o que faria”, adianta.

A Brisa diz que casos como estes são raros, já que os níveis de funcionamento dos postos SOS são superiores a 99,5%, mas recusa adiantar quantas avarias e reparações foram detectadas este ano nos postos SOS. Garante ainda que os postos são regularmente controlados e as avarias resolvidas de imediato. “A monitorização é feita remotamente, com alertas permanentes e com testes no local realizados pelas equipas da assistência rodoviária”, diz um porta-voz da empresa. 

joana.f.costa@sol.pt