Desporto

Goleada de um leão faminto

O Sporting começou a resolver a crise que tinha criado (uma serie de três empates seguidos e nunca tinha marcado mais do que um golo) em dois minutos.


E daí à goleada 0-4 sobre o Gil Vicente em Barcelos foi um pulo.

Primeiro um tiro de fora da área de Adrien. Depois Nani. Aos 9 e 11 minutos.

Slimani falhou o 0-3 na primeira parte, mas na segunda redimiu-se. Foi do argelino o terceiro da partida, a passe de João Mário.

O médio que tirou o lugar a André Martins voltou a estar em evidência no quarto golo: nova assistência, agora para Carrillo.

Os leões ficam com 9 pontos, a 4 da liderança do Benfica, que tem 13.

O Gil Vicente continua em último só com 1 ponto.