Vida

Depois de Michael Jordan ou Tiger Woods, adivinhe quem tem a cara numa caixa de cereais

Não, não é o Cristiano Ronaldo ou o Messi, é Madeleine Albright, secretária de Estado norte-americana no tempo de Bill Clinton. A General Mills coloca desportistas nas suas caixas de cereais Wheaties desde 1934, mas desta vez decidiu optar por um ‘atleta’ diferente, a diplomata de 77 anos, que se tornou em 1997 a primeira mulher a ocupar o cargo mais importante dos Negócios Estrangeiros americanos.

Não, não é o Cristiano Ronaldo ou o Messi, é Madeleine Albright, secretária de Estado norte-americana no tempo de Bill Clinton. A General Mills coloca desportistas nas suas caixas de cereais Wheaties desde 1934, mas desta vez decidiu optar por um ‘atleta’ diferente, a diplomata de 77 anos, que se tornou em 1997 a primeira mulher a ocupar o cargo mais importante dos Negócios Estrangeiros americanos.

E Madeleine Albright já agradeceu a honra. “Acabei de comer o meu ‘pequeno-almoço de campeões’, obrigado General Mills”, escreveu na semana passada no Twitter. A frase faz uma alusão ao slogan da marca, que escolheu Albright para seguir também um novo rumo. “Um campeão já não é só um mega atleta, é também uma pessoa que olha para dentro de si e desafia o seu melhor”, escreve a Wheaties no seu site.

A tradição desportiva da marca criada em 1924, no Minnesota, remonta a 1927, altura em que começou a patrocinar eventos desportivos, tendo sido criado o slogan que ainda perdura ‘Wheaties, Pequeno-Almoço de Campeões’. Em 1934, a Wheaties colocou o jogador de baseball Lou Gehrig na sua caixa e começou uma longa tradição de honrar atletas e equipas de várias modalidades. Babe Ruth, Jesse Owens, Michael Jordan, Andre Agassi ou Tiger Woods foram alguns dos escolhidos.

Madeleine Albright, nascida na Checoslováquia em 1937, também se destacou na sua área, o ‘desporto’ diplomático. Ocupou o lugar de secretária de Estado nos Estados Unidos entre 1997 e 2001, durante o segundo mandato do democrata Bill Clinton, sendo principalmente conhecida pelo seu trabalho na região dos Balcãs.

emanuel.costa@sol.pt