Vida

Problemas de memória? Coma chocolate

Estava à procura de uma desculpa para consumir chocolate diariamente? Então temos boas notícias para si.


Um novo estudo da Universidade de Columbia (EUA), publicado na revista Nature Neuroscience, refere que o chocolate pode prevenir o desenvolvimento de demência e até mesmo ajudar a reverter a perda de memória resultante do envelhecimento, cita o Daily Mail.

Durante três meses, os investigadores norte-americanos dividiram um grupo de pessoas com idades entre os 50 e os 69 anos em dois grupos menores. A um deram uma dose maior de cacau, e a outro uma dose menor. O objectivo era perceber se os flavonóides presentes neste alimento melhoravam a função cognitiva do cérebro. Os flavonóides são compostos com reconhecidas capacidades anti-inflamatórias e até mesmo anti-cancerígenas, entre outros efeitos benéficos. 

Depois desta 'dieta', os voluntários que consumiram uma maior dose de cacau demonstravam uma capacidade de memorização maior do que aqueles que tinham consumido doses inferiores.

“Este pequeno estudo sugere que os antioxidantes que se encontram no cacau podem melhorar a performance cognitiva, uma vez que aumentam o fluxo sanguíneo para uma determinada região do cérebro”, afirma Clare Watson, investigadora da Sociedade Britânica de Alzheimer, ao jornal inglês.

E agora que está a chegar o Inverno, o melhor mesmo é acabar o dia com uma caneca de chocolate quente. Faz bem à alma e à saúde. Lembre-se disso.