Cultura

Ana Margarida Carvalho é a vencedora do Prémio de Romance APE

Que Importa a Fúria do Mar, romance da jornalista Ana Margarida Carvalho, é o vencedor do Grande Prémio de Romance e Novela APE/Direcção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas 2013. Publicado em 2013 pela Teorema, o romance, que foi finalista do Prémio Leya, parte da imagem de alguém, a meio da noite, a atirar de um comboio em andamento um pacote de cartas de amor, para narrar a história de uma jornalista que se apaixona pelo jovem que um dia o seu velho entrevistado foi, e que não deixa de fora o passado português, do Tarrafal aos revoltosos da Marinha Grande. 

A decisão do júri (constituído por José Correia Tavares, Annabela Rita, Cândido Oliveira, José Manuel de Vasconcelos, Teresa Carvalho e Vergílio Alberto Vieira), tomada hoje, foi unânime. A concurso tinham sido admitidos 107 livros (o segundo valor mais alto de sempre, em 32 anos consecutivos), escritos por 72 homens e 37 mulheres (três autores com dois livros cada), e editados por 54 chancelas diferentes. 

No valor de 15 mil euros, o prémio já distinguiu 28 autores, de 18 editoras sendo que, destes, apenas quatro o receberam duas vezes (António Lobo Antunes, Agustina Bessa-Luís, Maria Gabriela Llansol e Vergílio Ferreira). 

Eram finalistas Para Onde Vão os Guarda-Chuvas, de Afonso Cruz, Cartas de Casanova – Lisboa 1757, de António Mega Ferreira, A Implosão, de Nuno Júdice, e A Desumanização, de Valter Hugo Mãe. 

rita.s.freire@sol.pt