Sociedade

Ex-primeiro-ministro acompanhou buscas à sua residência e regressou ao Campus da Justiça

O ex-primeiro ministro José Sócrates acompanhou hoje as buscas realizadas pela polícia na sua residência em Lisboa, que terminaram cerca das 16h30, disse à Lusa fonte policial.


Pouco antes das 16h30, chegaram à porta da residência de José Sócrates viaturas da PSP, incluindo um carro do corpo de intervenção.

Os veículos transportavam vários agentes que em poucos minutos escoltaram a saída, pela porta da garagem do edifício Castilho, de quatro viaturas descaracterizadas, numa das quais seguia o ex-primeiro-ministro.

Em seguida, foi levado para o Campus da Justiça, onde chegou por volta das 16h45.

Sócrates foi transportado numa viatura descaracterizada e em marcha de emergência, que entrou nas garagens que dão acesso ao Campus da Justiça, juntamente com outros veículos, perante um grande aparato de jornalistas e fotógrafos, portugueses e alguns estrangeiros, além de elementos policiais.

O ex-primeiro-ministro vai ser agora presente ao juiz Carlos Alexandre, no Tribunal Central de Instrução Criminal, para primeiro interrogatório judicial.

Lusa/SOL

 

Os comentários estão desactivados.