Sociedade

Baleado em Vila do Conde ia depositar dinheiro num banco

O homem atingido hoje com dois tiros numa perna, junto ao BPI de Vilar do Pinheiro, Vila do Conde, distrito do Porto, ia depositar dinheiro naquela agência bancária, disse uma fonte policial.

A fonte confirmou que o caso, registado pela GNR, passou para a alçada da Polícia Judiciária e afirmou que agentes desta corporação estiveram no local a recolher indícios.

Também já interrogaram a vítima na tentativa de acrescentar mais dados para a investigação.

O baleado, de origem asiática, foi surpreendido cerca das 10:40 por dois homens encapuzados quando se dirigia à dependência bancária com um saco que, alegadamente, continha dinheiro para ser depositado, explicou a fonte.

Acrescentou que a vítima ainda tentou resistir e fugir, mas acabou por ser baleada numa perna pelos assaltantes, que se apoderaram do saco e se colocaram em fuga num veículo todo terreno guiado por um terceiro elemento.

Foram populares presentes no local que chamaram as autoridades e a assistência médica, prestada, inicialmente, por elementos da Cruz Vermelha de Vilar do Pinheiro, e posteriormente, por uma ambulância do INEM, que transportou a vítima para o hospital da Póvoa de Varzim. Não corre perigo de vida.

Lusa/SOL