Cultura

O cante alentejano por quem o ama

Em Junho, a Câmara Municipal de Serpa dedicou um dia ao cante alentejano no âmbito do Encontro de Culturas. E fez um pequeno documentário, onde cantam homens e mulheres, crianças e idosos e falam sobre ele os que o amam e reconhecem o seu valor ímpar, alentejanos e não só.

Na altura ainda não se sabia se a UNESCO o iria incluir na lista do  Património Cultural Imaterial da Humanidade, o que hoje aconteceu.

Aliás, logo após a decisão deste organismo da ONU, fizeram-se ouvir na sala as vozes dos 21 cantadores do Grupo Coral e Etnográfico da Casa do Povo de Serpa – que viajaram de camionete da sua terra até Paris na esperança de uma aprovação da candidatura.

Vale a pena ver o vídeo para conhecer melhor esta forma de canto coral, que  marca a paisagem cultural do Baixo Alentejo.

Quem pensa que não gosta, volte a ouvir. Pode ser que desta vez sinta um arrepio na espinha.