Economia

Venda do BESI a chineses aguarda decisão do Banco de Portugal

O Novo Banco confirmou hoje que está em negociações com o grupo Haitong, com actividade em Xangai e em Hong Kong, para a venda do Banco Espírito Santo de Investimento, detido na totalidade pela instituição que ficou com os activos bons do antigo BES.


Em comunicado, o banco presidido por Eduardo Stock da Cunha explica que a celebração de um contrato final depende da autorização do Banco de Portugal, e de outras entidades de supervisão e de concorrência na Europa e na China. “A concretização de uma eventual compra e venda que venha a ser acordada estará ainda dependente das necessárias aprovações, pelo que serão apresentados os respectivos pedidos junto das autoridades, nomeadamente junto da Comissão Europeia, do Banco de Portugal, das autoridades da concorrência e de um conjunto de outras autoridades que exercem supervisão directa sobre a entidade compradora”, refere o comunicado.

Tal como o SOL já noticiou, a valor da venda do banco dirigido por José Maria Ricciardi deverá rondar cerca de 400 milhões de euros.

joao.madeira@sol.pt