Politica

John Kerry adia visita de Rui Machete a Luanda

O ministro das Relações Exteriores angolano, Georges Chikoti, desloca-se aos Estados Unidos na próxima semana, a convite do secretário de Estado norte-americano John Kerry.

O convite, feito esta semana pelo chefe da diplomacia americana, acaba por adiar a visita do ministro dos Negócios Estrangeiros, Rui Machete, prevista para as mesmas datas.

Conforme o SOL noticiou ontem, Rui Machete vai a Bruxelas no domingo e na segunda-feira participar na reunião do Conselho dos Negócios Estrangeiros da União Europeia, adiando a viagem a Luanda que já estava prevista desde o início do mês. Sabe-se agora que a razão para a mudança tem a ver com um convite de Kerry a Chikoti vindo dos Estados Unidos já esta semana. Fonte oficial do Ministério das Relações Exteriores confirmou hoje ao SOL que Chikoti estará em Washington no início da próxima semana.

“Estamos a negociar novas datas para a visita em Luanda”, explicou ao SOL fonte do Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE). O pedido de adiamento da viagem por parte do ministro angolano foi também visto com total compreensão por parte do MNE, devido à importância de reuniões entre Angola e Estados Unidos nesta altura. Recorde-se que Angola assume a partir de 1 de Janeiro um mandato de dois anos no Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas, como membro não permanente, sendo essa uma das razões para a visita de Chikoti a Washington.

O ministro das Relações Exteriores angolano terá na segunda-feira, dia 15, um encontro com a secretária de Estado assistente para os Assuntos Internacionais, Sheba Crocker, e o representante permanente de Angola nas Nações Unidas, o embaixador Ismael Gaspar Martins. Na terça-feira Georges Chikoti será recebido por John Kerry na capital americana. O encontro com o secretário de Estado americano tem em vista a parceria entre os dois países, devendo ser abordadas também questões ligadas à segurança marítima, operações de manutenção de paz, comércio internacional e energia.

Quanto a Rui Machete, não há ainda datas previstas para a visita do ministro a Luanda, que não deverá acontecer até ao final do ano. No entanto, ambas as partes estão muito interessadas em programar o encontro para breve, devido à importância das relações entre os dois países. Espera-se que seja realizado ainda em Janeiro do próximo ano.

A deslocação de Rui Machete a Luanda foi avançada no início do mês pelo embaixador português em Luanda, João da Câmara, em declarações à Lusa depois de uma reunião com o vice-presidente angolano, Manuel Vicente. Nos últimos dias saíram várias notícias e declarações de governantes e diplomatas em Angola, destacando o retomar das boas relações entre Luanda e Lisboa nos últimos meses e o reforço que uma visita de Rui Machete traz a essa cooperação.

*com Carlos Ramos