Politica

PCP obriga ministro da Saúde a dar explicações sobre mortes nas urgências

O PCP vai pedir a presença urgente do ministro da Saúde, Paulo Macedo, na Assembleia da República, na sequência da “situação caótica em que se encontram as urgências hospitalares”.

Depois de a maioria ter chumbado esta manhã o pedido para que o ministro viesse ao parlamento dar explicações, os comunistas apresentaram esta tarde um requerimento potestativo, o que obriga à presença de Paulo Macedo.

O PCP lembra que há semanas que os serviços hospitalares funcionam em “total ruptura” devido à carência de profissionais de saúde, um “problema frequente que vem de há muito e tem vindo a agravar-se”.

A audição ao ministro ainda não está agendada. Esta segunda-feira aumentou para oito o número de mortes nos hospitais.

sonia.cerderia@sol.pt