Sociedade

'O Hitchcock Perdido': imagens do Holocausto hoje na RTP1

A Noite Cairá, conhecido como “O Hitchcock perdido”, com imagens recolhidas após a libertação dos campos de concentração nazi em 1944/45, será exibido hoje na RTP1 às 23h34. Para assinalar os 70 anos sobre o fim da II Guerra e o Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto, a RTP (na data em que se assinala a chegada dos Aliados a Auschwitz) e 11 outras televisões públicas europeias exibem o documentário que Hitchcock não acabou de montar e cujas imagens o chocaram pelas marcas do horror porque passaram os mortos e os poucos sobreviventes de Auschwitz .


As imagens que documentam o horror encontrado foram recolhidas por soldados e o produtor britânico Sidney Bernstein pediu a Alfred Hitchcock - já então a viver em Hollywood e com contratos com as majors – que assegurasse a montagem do filme. Mas um novo contexto político atirou o filme para os arquivos.

Os vencedores não pretendiam lançar culpas à Alemanha , mas encontrar um equilíbrio, onde a divulgação das imagens e provas do holocausto poderiam criar um ambiente desfavorável à construção da paz. Memory of Camps não cabia neste novo clima.  Finalmente, André Singer pegou  nas imagens e terminou o documentário brutal (finalizado em 2014), com narração de Helena Bonham Carter e imagens do próprio Hitchcock,  hoje exibido na velha Europa. 

O Cinema Ideal, em Lisboa, onde A Noite Cairá é exibido em sessões comerciais, tem também em cartaz outros três filmes sobre a II Guerra Mundial: O Grande Ditador, de Chaplin, O Homem Decente e O Último dos Injustos.

telma.miguel@sol.pt

 

Os comentários estão desactivados.