Internacional

Varoufakis diz que a Grécia fará tudo para evitar falta de pagamento

O ministro das Finanças da Grécia, Yanis Varoufakis, garantiu hoje em Berlim que o Governo de Atenas fará "tudo o que puder" para evitar a falta de pagamento.

Varoufakis falava numa conferência de imprensa conjunta com o ministro das Finanças alemão, Wolfgang Schäuble, um dia depois de uma decisão do Banco Central Europeu (BCE) que dificulta o financiamento dos bancos gregos e o consequente refinanciamento do Estado.

Na quarta-feira à noite, o BCE anunciou que vai deixar de aceitar títulos de dívida grega como garantia nas operações de refinanciamento. 

A reunião de hoje, o primeiro encontro entre responsáveis da Alemanha e da Grécia desde a vitória eleitoral do Syriza, uma formação de esquerda radical que se opõe à austeridade, não se destinava a encontrar soluções, disseram os dois ministros.

Uma possível redução da dívida da Grécia não esteve na mesa de conversações, sublinharam.

O ministro das Finanças grego disse que não quer excluir completamente o programa de resgate, mas mudar as suas prioridades e filosofia, que considera erradas.

Varoufakis afirmou que o programa "não tem reformas significativas" para atacar a fraude fiscal e a corrupção e tem uma filosofia errada que faz com que a dívida seja "insustentável".

Lusa/SOL