Desporto

Anderson Silva apanhado no doping após derrotar Nick Diaz

A estrela brasileira do MMA, Anderson Silva, acusou positivo num controlo antidoping realizado a 31 de Janeiro, dia do seu regresso ao UFC, frente ao norte-americano Nick Diaz.


O site Combate.com, da brasileira Globo, diz ter tido acesso a uma cópia dos resultados das análises, que ainda não foram oficialmente divulgados pela Comissão Atlética do Estado do Nevada (EUA), onde teve lugar o combate que resultou na vitória do brasileiro.

Este é o segundo resultado positivo, depois de um teste realizado a 9 de Janeiro também ter indicado a presença de substâncias ilícitas. Dias depois, a 19, veio um resultado negativo. O terceiro exame vem pôr em causa a inocência do atleta.

O Spider arrisca agora uma multa pesada e uma longa suspensão. Aos 39 anos, e depois de um ano ‘no estaleiro’ devido a uma lesão grave, pode estar em cima da mesa o fim da carreira de Anderson Silva.

Os comentários estão desactivados.