Internacional

Grécia confia que reformas vão ser aceites

O Governo grego está optimista sobre a aceitação da lista das reformas que irá apresentar na segunda-feira às instituições europeias para conseguir estender o financiamento ao país por mais quatro meses, segundo a Efe.

Na sexta-feira, a Europa comprometeu-se a estender o financiamento à Grécia por mais quatro meses, mas Atenas tem de apresentar até segunda-feira uma lista de reformas para ser aprovada pelos credores (União Europeia, Banco Central Europeu e Fundo Monetário Internacional).

O ministro das Finanças grego, Yanis Varoufakis, disse ser "quase certo" que as reformas vão ser aceites por Bruxelas, e que o passo seguinte será dado depois das instituições analisarem o seu conteúdo.

Yanis Varoufakis explicou que se a resposta for afirmativa "haverá uma teleconferência com as instituições e, automaticamente, o processo avançará".

Um alto oficial do governo, citado pela AFP, disse hoje que Atenas irá apresentar propostas que levarão a economia grega a lutar "fora de sedação".

"Estamos a compilar uma lista de medidas para tornar mais eficaz a função pública grega e para combater a evasão fiscal", disse o ministro de Estado, Nikos Pappas, ao canal televisivo Mega.

O primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, disse no sábado que a lista de reformas "estará pronta na segunda-feira" e enfatizou que mantém contacto permanente com os parceiros da zona do euro. 

Lusa/SOL