Sociedade

Advogado de Sócrates em confronto com jornalista da CMTV

O advogado de José Sócrates, João Araújo, foi hoje o protagonista de mais um momento caricato com os jornalistas.

Um jornalista da CMTV tentou falar com João Araújo, quando este se encontrava no exterior das instalações do Campus de Justiça, para saber se a audição de José Sócrates no Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) de Lisboa, no âmbito de dois processos de violação de segredo de justiça, já tinha terminado.

“Não falo com a CMTV”, disse o advogado ao jornalista, desviando o microfone da estação televisiva. “Estou me nas tintas para o que o senhor tem para dizer”, acrescentou.

“Tenho tanto direito de estar aqui quanto os outros jornalistas”, afirmou o enviado da CMTV. “Não tem direito nenhum”, respondeu João Araújo.

Perante a insistência do jornalista, o advogado disse aos restantes repórteres que não dizia “rigorosamente nada” enquanto estivesse ali a CMTV. A jornalista da RTP ainda tentou convencer João Araújo a falar, mas não conseguiu.