Desporto

Nesta cidade todos querem jogar futebol. A culpa é de Ronaldo

O vereador Frank Monteiro, da câmara de Cambridge, no Canadá, disse hoje à agência Lusa que o jogador português Cristiano Ronaldo tem sido uma referência determinante para o aumento na prática do futebol naquela cidade.

"Quando vou às escolas, tanto às primárias como às secundárias, quando descobrem que sou português, os alunos perguntam-me se conheço o Cristiano Ronaldo. Digo-lhes que é português como eu, mas que não o conheço. Ele é um verdadeiro símbolo para os jovens, todos querem praticar futebol graças ao CR7", afirmou Frank Monteiro, de 62 anos.

O vereador, filho de emigrantes de Santa Maria (Açores), está no Canadá desde 1966 e foi reeleito para um segundo mandato a 27 de Outubro de 2014, pela área do Bairro (Ward) 7. 

O autarca salientou que antes de Cristiano Ronaldo, Luís Figo também era uma referência, mas o avançado do Real Madrid e da selecção nacional "é o jogador de momento", como Wayne Gretzky, antiga glória do hóquei no gelo, considerado por muitos o melhor atleta de todos os tempos naquela modalidade.

Frank Monteiro considerou ainda que o futebol está a ultrapassar o hóquei no gelo no aumento do número de praticantes, visto ser uma modalidade "economicamente mais acessível para os pais" das crianças.

Este antigo sargento chefe da Polícia Regional de Waterloo disse ainda que está a liderar uma comissão da Câmara Municipal de Cambridge para a construção de um centro desportivo, que ficará equipado para a prática de várias modalidades. 

"Este centro desportivo vai custar à câmara entre 80 a 100 milhões de dólares (59 a 74 milhões de euros), num investimento de futuro, para que daqui a 30 ou 40 anos ainda se possa utilizar. Prefiro gastar um pouco mais para que aquela infra-estrutura fique para o futuro", salientou o autarca.

Aquela infra-estrutura, que deverá estar concluída em 2018, será o "maior investimento" que a autarquia já fez e contará com o apoio dos governos federal e provincial. Vai possibilitar a prática de modalidades como o futebol, o hóquei no gelo, o atletismo, que também vai potencializar as associações comunitárias do Portuguese Oriental Sports Club e do Portuguese Club of Cambridge (Supersonics), com equipas de formação. 

Cambridge é uma cidade canadiana localizada no sul da província do Ontário com cerca de 140 mil habitantes, dos quais cerca de 40 mil são portugueses e luso-descendentes. 

Lusa/SOL