VarandadoChiado

Metro à chuva

O Metropolitano de Lisboa é dos melhores da Europa. E melhor vai ficar com a ligação, em fase de conclusão, ao aeroporto da Portela.

não é, porém, pela rede e respectiva cobertura geográfica da grande lisboa que o metro da capital portuguesa se destaca. é, sim, pela qualidade das suas estações e pela visão de quem, desde os anos 50 do século passado, soube dar alma ao espaço subterrâneo – das primeiras estações, com os revestimentos de maria keil, às mais recentes, com pinturas e esculturas de artistas plásticos portugueses de renome mundial, de vieira da silva a cargaleiro, de pomar ou sá nogueira a almada negreiros ou francisco simões. cada estação é um museu. mas na foto que se reproduz não são as pinturas ou as esculturas que sobressaem. às primeiras chuvas deste outono, a estação da pontinha, apesar de ainda recente, meteu água. e, à falta de melhor, a solução foi recorrer aos baldes que havia à mão. bem à portuguesa.