Desporto

Klopp deixa o Dortmund

O carismático técnico alemão Jürgen Klopp confirmou esta quarta-feira em conferência de imprensa que vai deixar o Borussia Dortmund no final da presente época.

“Já não sou o treinador perfeito para este clube. Acredito completamente que esta é a decisão correcta a tomar”, disse Klopp aos jornalistas.

Ao contrário do que fora avançado durante a manhã, o treinador germânico afirmou que não pretende tirar um ano sabático – como tinha o rival feito Pep Guardiola antes de rumar ao Bayern Munique.

Ainda sem destino traçado, a imprensa e os fãs apontam a liga inglesa como a próxima etapa da carreira de Klopp, de 47 anos. O Manchester City é um dos clubes mais referidos.

Klopp, que tinha contrato válido com o Borussia até 2018, conseguiu nos últimos sete anos duas Bundesligas, uma Taça da Alemanha e uma final da Champions, resgatando o clube da Renânia de uma grave crise desportiva e tornando-se num dos mais admirados treinadores da actualidade.

No entanto, a presente temporada do Dortmund não tem sido brilhante. O clube estacionou de momento no décimo lugar da Bundesliga e caiu nos oitavos de final da Champions frente à Juventus.