Economia

Aumento do preço da electricidade em Portugal muito acima da média da UE

O preço da eletricidade doméstica na União Europeia aumentou 2,9% para os 20,8 euros por 100 kWh, entre o segundo semestre de 2013 e de 2014, com Portugal a subir acima da média (4,7%), segundo o Eurostat.

 

Segundo o gabinete de estatísticas da União Europeia (UE), o preço da eletricidade aumentou, desde 2008, 32% no conjunto dos 28 Estados-membros e 42% em Portugal, que só é ultrapassado pela Dinamarca (57%) e pela Alemanha (52%).

 

Entre o segundo semestre de 2013 e o de 2014, os Estados-membros que registaram as maiores subidas no preço da eletricidade doméstica foram a França (10,2%), o Luxemburgo (5,6%), a Irlanda (5,4%), a Grécia (5,2%), Portugal (4,7%), o Reino Unido (4,6%) e Espanha (4,1%).

 

As principais quebras nos preços do indicador verificaram-se em Malta (-26,2%), República Checa (-10,2%), Hungria (-9,9%), Holanda (-9,6%), Eslováquia (-9,2%) e Bélgica (-7,8%).

 

No segundo semestre de 2014, o preço médio mais baixo da eletricidade para uso doméstico expresso em euros foi registado na Bulgária (9,0 euros por 100 kWh) e na Hungria (11,5 euros), enquanto o mais elevado se verificou na Dinamarca (30.4 euros por 100 kWh), seguida da Alemanha (29,7 euros).

 

O preço médio da eletricidade para uso doméstico na UE foi de 20,8 euros por 100 kWh e em Portugal de 22,3 euros.

Lusa/SOL