Vida

Ganhou aposta online e empresa recusou pagar o prémio

Um estudante de enfermagem venceu mais de 1300 euros ao apostar no tenista Roger Federer, num jogo que disputou com Tomas Berdych. No entanto, a empresa de apostas recusa-se a apagar o montante, revela o Independent.


Julius Ndlovu apostou que o jogo iria ficar 6-3 para Federer, uma aposta que, segundo o site de apostas William Hill, só teria uma em 2000 hipóteses de ser bem-sucedida. Quando viu o resultado final – igual ao que tinha apostado – achou que tinha ganho bastante dinheiro. No entanto, a empresa recusou-se a dar o prémio ao estudante.

Um porta-voz do site afirma que a probabilidade assinalada no site deveu-se a um “erro palpável”. “Tentamos ter probabilidades correctas, mas às vezes ocorrem pequenos erros humanos”.

“Nós chamamos a isto erros palpáveis: Quando os preços/termos oferecidos são muito diferentes dos que estão disponíveis noutros sites… Ou estão claramente incorrectos face ao evento que está a decorrer”, afirma o porta-voz.

“Se nos apercebermos de que é exactamente isso que está a acontecer, temos o direito de corrigir qualquer erro existente numa aposta e colocar o valor correcto. Isto são questões com as quais o utilizador concorda quando decide criar uma conta no site”, acrescenta.

A empresa afirma que, por isso mesmo, não irá entregar o prémio a Julius. No entanto, como forma de ‘esquecer o assunto’ a William Hill ofereceu-lhe dois vales de 70 euros para apostar no site. O estudante recusou a oferta.