LifeStyle

Quem são os pais com mais probabilidade de ter um filho autista?

Um novo estudo sobre autismo, que envolveu mais de 5.7 milhões de crianças autistas em cinco países, concluiu que os pais com mais probabilidade de ter filhos com esta condições são os adolescentes e as mães com mais de 40 anos, escreve o Daily Mail.

A investigação concluiu também que os casais com uma grande difreneça de idades entre si têm maior probabilidade de ter filhos autistas. Ficou também comprovado que os homens com mais de 50 anos têm um risco consideravelmente mais alto de ter um filho autista.

 

Já estava comprovado que os pais mais velhos têm alterações genéticas no seu esperma que podem provocar uma desordem do espectro de autismo. Mas a ciência ainda não consegue explicar por que é que o risco é acrescido nas mães adolescentes, nas mães mais velhas e nos casais com grande diferença de idades entre si.

 

Um dos autores do estudo, director da unidade de investigação em autismo do serviço nacional de saúde britânico, afirma que este é “estudo como nenhum outro” feito anteriormente. “Apesar de haver muita investigação na área do autismo e da idade parental, ao analisar os registos de saúde de cinco países criámos a maior base de dados do mundo sobre factores de risco no autismo”, explicou Michael Rosanoff.

 

No entanto, outro co-autor do estudo, Sven Sandin, alerta que, “apesar da idade avançada dos pais constituir um factor de risco para o autismo, é importante relembrar que, apesar de tudo, a maioria das crianças filhas de pais mais velhos ou muito novos desenvolvem-se normalmente”.