Economia

Portugal colocou OT a cinco anos a uma taxa de 1,4232%

Portugal colocou hoje 900 milhões de euros em Obrigações do Tesouro (OT) a cinco anos a uma taxa de juro média de 1,4232%, inferior à de 1,5529% do anterior leilão comparável, foi anunciado.

Segundo dados da Agência de Gestão do Crédito e da Dívida Pública (IGCP), publicados na página da entidade na agência Bloomberg, também foram colocados 600 milhões de euros em OT a 22 anos, na primeira emissão desta maturidade depois da presença da 'troika' no país, a uma taxa de juro média de 3,5341%.

O montante colocado, de 1.500 milhões de euros, em OT nas duas maturidades foi superior ao "montante indicativo global entre 1.000 milhões e 1.250 milhões de euros" anunciado pelo IGCP.

A procura da emissão de OT a seis anos (hoje leiloada, com vencimento em 15 de junho de 2020 e com uma taxa de juro de 4,8%)) foi de 1.700 milhões de euros, ou seja, 1,89 vezes superior ao montante colocado.

Em relação à procura da emissão de OT a 22 anos (vencimento em abril de 2037, com uma taxa de juro de 4,1%), esta atingiu 1.019 milhões de euros, 1,70 vezes superior ao montante colocado.

Lusa/SOL

Notícias corrigida às 12h