Vida

Polícia australiana procura homem que tentou fazer sexo com cão

A polícia de Sydney procura um homem que atacou duas jovens no domingo, enquanto passeavam os seus cães, chegando mesmo a tentar fazer sexo com um deles. Foi depois avistado esta segunda-feira, mas uma equipa com homens, cães e até helicópteros não foi o suficiente para o apanhar.


Duas jovens, de 20 e 23 anos, passeavam dois cães ao início da tarde de domingo em Greystanes, a oeste do centro de Sydney, principal cidade australiana. Um homem – segundo a polícia tem aspecto indiano e entre 1,80 metros e 1,90 metros de altura – aproximou-se de bicicleta para falar com elas. Pouco depois começou a despir as calças virado para as jovens e agarrou um dos cães, tentando fazer sexo com o animal. As raparigas fugiram e avisaram a polícia.

Já esta segunda-feira uma patrulha local avistou na mesma zona o suspeito, que se pôs em fuga. Apesar de ser perseguido por polícias a pé, depois por equipas de polícias com cães, e até com o apoio de helicópteros, o homem escapou às autoridades.

Para ajudar às buscas, a Polícia de Nova Gales do Sul, o estado australiano onde se situa Sydney, divulgou entretanto uma imagem desfocada, retirada de uma câmara de vigilância, que pensa ser do suspeito, e ainda outra fotografia da sua bicicleta: