Desporto

'Sou um homem honesto'

Joseph Blatter não quer alimentar mais polémicas, por isso negou esta segunda-feira todas as acusações de corrupção que recebeu, disse que não está preocupado com as investigações criminais de que é alvo e defende que a reputação da FIFA foi afectada por indivíduos desonestos.

EPA/LAURENT GILLIERON

"Eu sei o que fiz e o que não fiz. Tenho a minha consciência e sei que sou um homem honesto. Estou limpo. Não sou um homem preocupado", disse hoje o presidente demissionário da FIFA à BBC.

Recorde-se que Blatter vai deixar a liderança do organismo que rege o futebol mundial em Fevereiro de 2016.