Economia

Perspectiva de devolução da sobretaxa melhora. Veja as simulações

As receitas fiscais conseguidas pelo Estado até Julho revelam que a perspectiva de devolução da sobretaxa de IRS melhorou face ao mês anterior. Se o desempenho dos primeiros sete meses se mantiver, os contribuintes poderão receber 25,3% do imposto extraordinário que está a ser cobrado todos os meses. Numa família de classe média com filhos, isso pode representar mais de 200 euros.

Segundo a execução orçamental revelada hoje pelo Ministério das Finanças, o défice das administrações públicas ascendeu a 5.370,4 milhões de euros até Julho, uma melhoria de 423,8 milhões de euros. Parte desta tendência explica-se com o aumento da receita fiscal: cresceu 4,9%, cerca de 970 milhões de euros, face ao mesmo período do ano passado.

E a soma das receitas de IRS e do IVA, que está na base do cálculo da sobretaxa, ascendeu a quase 14,5 mil milhões de euros, um crescimento de 4,4% - acima do projectado no Orçamento do Estado.

Se este desempenho se mantiver até ao final do ano, e como as receitas cobradas em excesso serão devolvidas aos contribuintes, 25,3% da sobretaxa poderá voltar ao bolso das famílias, quando for feito o acerto do IRS, no próximo ano. Na execução orçamental até Junho, a perspectiva era de 19%.

De acordo com o simulador disponibilizado no Portal das Finanças, um solteiro sem filhos com um salário bruto de 1750 euros poderá reaver 118 euros, com uma devolução de 25% da sobretaxa. Um casal com dois filhos e um vencimento conjunto de 2500 euros poderá obter 208 euros.

joao.madeira@sol.pt