Politica

Só 115 mil espectadores viram debate entre Jerónimo e Catarina Martins

Apenas115 mil espetadores seguiram na terça-feira o debate entre Jerónimo de Sousa, do PCP, e Catarina Martins, do Bloco de Esquerda (BE), na RTP Informação, divulgou hoje a estação pública.

"O primeiro debate [para as eleições legislativas], que opôs Jerónimo de Sousa e Catarina Martins, conquistou uma quota de mercado (sh) de 2,4% e 1,2% de audiência média, o que se traduz numa plateia de 115 mil e 700 espetadores", segundo os dados divulgados pela RTP.

A RTP afirma, em comunicado, que, mesmo assim, "esta é a emissão, não desportiva, mais vista da RTP Informação" este ano, acrescentando que o debate foi líder de audiências dos canais informativos.

O debate é repetido na RTP Informação às 01:01 e regista 1,7% sh (21 mil e duzentos espetadores) e transmitido na SIC Notícias às 01:08 com 3,5% sh (40 mil e seiscentos espetadores), segundo o comunicado.

O debate entre o secretário-geral comunista e a porta-voz do BE iniciou o ciclo de frente-a-frente, que contará com uma inédita transmissão em simultâneo pelos três canais de televisão do duelo Passos/Costa a 09 de setembro.

Na próxima semana, no dia 08 de setembro, será a vez do confronto de Catarina Martins com o presidente do CDS-PP e vice-primeiro-ministro, Paulo Portas, na SIC Notícias.

Costa e Passos voltam a encontrar-se num igualmente inédito debate transmitido pelas rádios Antena Um, TSF e Rádio Renascença, no dia 17.

Outra das inovações dos debates para as eleições legislativas é a participação de Heloísa Apolónia, de "Os Verdes", que passou a representar a CDU quando a coligação Portugal à Frente (PSD/CDS-PP) anunciou que seria representada por Paulo Portas. Este debate foi adiado do dia 10 de setembro para o dia 18 pela TVI 24.

António Costa defrontará ainda Catarina Martins na TVI 24 no dia 14 de setembro.

Lusa/SOL